Internauta denuncia omissão de socorro e negligência em atendimento no hospital de Pentecoste - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

quarta-feira, 16 de dezembro de 2020

Internauta denuncia omissão de socorro e negligência em atendimento no hospital de Pentecoste


Um internauta que não quis se identificar, entrou em contato com a produção do Blog Notícias de Pentecoste, para manifestar indignação e falta de compromisso de alguns funcionários públicos que atuam no Hospital Maternidade Vale do Curu em Pentecoste. 
Ele afirma que há omissão de socorro e negligência no atendimento da unidade.


Com a chegada da Covid-19 em nosso município, foram alterados a questão dos atendimentos na procura por serviço médico em nossa cidade. Os casos Relacionados a Síndrome Gripal e Síndrome Respiratória Aguda Grave estão sendo atendidos de modo exclusivo na UPA 24H  (Unidade de Pronto Atendimento). A Secretaria de Saúde informou naquela época, que o Hospital Regional e Maternidade do Vale do Curu passaria realizar atendimento médico e de enfermagem com fluxos de ocorrências como: traumas, acidentes, dores abdominais, diarreia, AVC, infarto e demais atendimentos de emergência.


Por volta das 17h10m da última terça-feira (15), um acidente envolvendo duas motocicletas foi registrado no bairro da XV de Novembro, onde duas pessoas ficaram feridas. Populares que passavam pelo local, ligaram para o hospital de Pentecoste, solicitando o serviço de ambulâncias para o socorro e transporte das vítimas do local para a unidade.


Um internauta que estava dentro do Hospital Municipal para receber atendimento médico, presenciou o momento em que o telefone toca, e na ligação, populares informam que havia acontecido um acidente e que necessitava de ambulâncias para transporte dos homens envolvidos no acidente. Segundo relata o internauta em um áudio enviado a nossa reportagem, atendente informa que não havia ambulâncias disponível na unidade naquele momento. Ao escutar o que havia sido dito pela atendente, indignado, o internauta caminha para fora do hospital e grava um vídeo mostrando que havia pelo menos quatro veículos de socorro médico parado em frente ao prédio. O internauta ainda, que antes de receber a ligação, havia chegado duas ambulâncias, e que seus respectivos motoristas, e que estavam disponíveis disponíveis para atendimento no momento.


"Quando eu escutei isso aí, eu sai lá pra fora e fiz uma gravação, amostrando as quatro ambulâncias que estavam lá paradas. Fora isso, antes, já tinha chegado dois motoristas em duas ambulâncias, e encostaram as ambulâncias e saíram lá pra baixo do hospital. Primeiramente, quando eu fui olhar, depois que eu fiz agravação que eu sai...o motorista tava na recepção mexendo no WhatsApp mas o outro motorista".


"Eu acho isso uma falta de consideração muito grande com o povo de Pentecoste. É um desrespeito muito grande", acrescenta o internauta.


Ele diz ainda, que um dos feridos do acidente chegou em uma motocicleta, já o outro que não conseguia andar, chegou em um carro na unidade.


"...e lá dentro do hospital, depois que um dos rapazes chegou, quem tava atendendo o rapaz na cama do hospital, era os parentes...tava levando as coisas pra perto dele...e tava ajeitando, organizando porque não tava tendo médico. A única enfermeira que tinha, tava dizendo as coisas no corredor, achando ruim porque o pessoal tava precisando dela... lá reclamando, e quando foi na hora em que o rapaz tava lá deitado na cama, no lugar dela tá alí do lado dele pra tentar...coisar o ferimento do rapaz e tá do lado do rapaz não. Ela foi falar no telefone. Isso é muita falta de consideração Zé da Legnas!" Afirma o internauta.


O blog não teve informações sobre o quadro clinico dos envolvidos no acidente até o fechamento desta reportagem.


O blog Notícias de Pentecoste espera um posicionamento das autoridades municipais, principalmente da Prefeitura Municipal de Pentecoste e Secretaria de Saúde para apurar esse suposto caso de negligência quanto atendimento hospitalar, serviço esse, que não chegou a ser prestado para as vítimas que precisaram do atendimento do serviço de ambulância. 


Estamos à disposição caso o município queira enviar uma nota a ser publicada.


Veja o vídeo da denúncia feita pelo internauta abaixo:



Por Luan Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!