terça-feira, 29 de julho de 2014

VEREADOR VICENTE DO ZUZA PROMOVE TORNEIO NA COMUNIDADE DE CACIMBINHA


O vereador Vicente Do Zuza, realizou neste domingo, 27 de julho, o 2º Torneio da Comunidade de Cacimbinha, zona rural do município de Pentecoste.

O evento contou com a participação de aproximadamente 27 equipes e premiou as cinco primeiras colocadas, tendo uma ótima presença de público, além de ter superado todas as expectativas da organização.

No final a equipe do Núcleo B de Serrota, sagrou-se campeã da competição vencendo o time da casa nos pênaltis.

O vereador Vicente do Zuza agradeceu a participação de todas as equipes e parabenizou os times finalistas pela brilhante festa esportiva proporcionada aos amantes do futebol, ficando notório o seu contentamento com o sucesso do evento.

A equipe esportiva da Rádio Difusora Vale do Curú esteve presente transmitindo ao vivo e difundindo a prática esportiva com ferramenta importante de inclusão social. Parabéns ao vereador Vicente do Zuza, por incentivar e condicionar a realização de eventos esportivos na comunidade que representa.





Fonte Difusora Vale do Curu
Leia mais

Três cidades do Ceará não registraram homicídios em quatro anos

De acordo com o Mapa da Violência 2014, os municípios ‘onde reina a paz’ são: Alcântaras, Palhano e Potiretama


Potiretama tem pouco mais de 6 mil habitantes e não registrou homicídio em quatro anos (FOTO: Divulgação)

Somente 3,2% dos cearenses podem dizer que vivem em um município onde assassinatos não são uma preocupação. São 28.109 pessoas estabelecidas em cidades que não registraram nenhuma morte do tipo entre 2008 e 2012, de acordo com o Mapa da Violência 2014.

Os municípios ‘onde reina a paz’ são: Alcântaras, Palhano ePotiretama. Alcântaras, a 285 quilômetros de Fortaleza, possui uma população de 10.956 habitantes.

De acordo com o comandante do destacamento da Polícia Militar do município, sargento Francisco Lindonjohnson Vasconcelos, o efetivo é de apenas nove policiais, em revezamento. “Realizamos muitas abordagens, principalmente de veículos com placas que não são da cidade. Mas aqui muito tranquilo. É uma cidade com muitas famílias, o povo é bem pacato e ainda acredita no trabalho policial”, conta.

O comandante, que atua há dois anos na cidade, nunca presenciou um homicídio no local. “Há mais de 10 anos não acontece um assassinato. De vez em quando têm uns roubos, mas é mais na área rural. No Festival de Quadrilha, por exemplo, as pessoas não dão um empurrão sequer”, brinca. Segundo o sargento, de janeiro a julho deste ano foi apreendida apenas uma arma de fogo no município.

Os moradores também comemoram a segurança na cidade, como é o caso do comerciante Betinho, dono de uma loja de material de construção – situada no Centro de Alcântaras. “A cidade é pacata demais. Essa violência toda ainda não chegou aqui. A droga, infelizmente, está começando a aparecer, mas as pessoas usam mais por vício, não é pra fazer o que não presta não”, diz.

‘Todo mundo se conhece’


O mesmo acontece em Potiretama, a 280 km de Fortaleza, cuja população é estimada em 6.181 pessoas. O efetivo policial é de seis homens; em breve, de acordo com o destacamento, chegarão mais três para preencher o quadro. Segundo um policial daDelegacia, que não quis se identificar, de 2008 a 2014, foi registrado um homicídio, em fevereiro de 2013. O crime é tão incomum na cidade, que é possível relatar todos os detalhes. “O último que aconteceu foi em fevereiro. Um rapaz que vinha em uma motocicleta matou um que vinha no caminhão, perto da divisa, há uns 8 quilômetros”, relembra.

O segredo é a prevenção. O trabalho baseia-se em abordagens. Se aparece alguém de fora, a polícia fica em alerta. “Todo mundo conhece todo mundo. Você entra numa rua, sai pela outra e já conheceu a cidade toda. Então se vem alguém de fora, as pessoas ligam pra gente”.
2 / 13

ALCÂNTARAS, A 285 KM DE FORTALEZA

Há mais de 10 anos não acontece um assassinato na cidade, segundo o comandante do destacamento de Alcântaras (FOTO: Divulgação/Prefeitura Municipal)

Palhano

Já em Palhano, a 150 quilômetros da capital, há 8.972 habitantes. De acordo a prefeitura do município, 10 policiais militares fazem a ronda 24 horas por dia. Outros 12 homens do Programa de Proteção à Cidadania e três da Guarda Municipal completam o quadro. “A Organização Mundial requer um agente de segurança para cada 450 pessoas, aqui temos um agente para cada 370”, explica o prefeito Nilson Freitas.

Apesar da tranquilidade em Palhano, a cidade não está imune à violência pelo fato de ser próxima a municípios maiores, como Russas, Jaguaruana e Aracati. De novembro de 2012 a dezembro de 2013, ocorreram três ataques a banco no local. No fim do ano passado, houve registro de um homicídio, praticado por homens de Fortaleza. “Nesse ano não teve nenhum. Se não fosse esse infortúnio, já completaríamos uns 15 anos sem assassinato em Palhano”, conclui.

Um assassinato em quatro anos

O levantamento só vai até 2012 porque é o último ano com dados disponíveis do Ministério da Saúde para todos os municípios do País. O estudo, que é feito pela Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais, revela ainda que há cidades do Ceará com registro de apenas um assassinato nos quatro anos. É o caso de Tarrafas, Graça, Martinópole, Baixio e Pacujá.

O Mapa da Violência também divulgou os dados em relação à população jovem. Além das três cidades que não tiveram nenhum assassinato, outros 12 municípios não tiveram homicídios de pessoas entre 15 e 29 anos. São elas Baixio, Chaval, Jijoca de Jericoacoara, Martinópole, Mucambo, Pacoti, Pacujá, Palhano, Pires Ferreira, Potiretama, Reriutaba e Tarrafas. Tiveram um assassinato de jovem os municípios de Apuiarés, Arneiroz, Barroquinha, Croatá, Graça, Granjeiro, Paramoti, Potengi, Senador Sá e Umari.

Brasil

A lista divulgada contempla também informações nacionais. Das 5,5 mil cidades do Brasil, somente 684 conseguiram passar o período sem registrar homicídios. O fato, portanto, é que apenas em cada oito cidades mantém um cotidiano em que assassinatos não são uma realidade. Destas, 92% possuem menos de 10 mil habitantes.

O Tribuna do Ceará entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, mas até o fechamento da matéria não obteve resposta.

Tribuna do Ceará
Leia mais

Traições e "viradas de casaca" marcam embate entre Eunício e Camilo



Camilo Santana em Comício na Praça do Ferreira em Fortaleza (Foto: Divulgação)

Passado menos de um mês das convenções que definiram as alianças eleitorais, vários políticos já “pularam a cerca” para apoiar candidatos a governador de fora de suas coligações. Criticada de ambos os lados, a infidelidade altera o equilíbrio eleitoral na disputa pelo governo do Ceará.


Se possui a maior coligação do Estado, com 18 partidos, Camilo Santana (PT) também leva consigo o maior número de baixas na base. Até agora, pelo menos três deputados e cinco prefeitos de partidos aliados já “trocaram o barco” petista pela candidatura de Eunício Oliveira (PMDB). Em contrapartida, três prefeitos e dois vereadores de Fortaleza deixaram a aliança peemedebista para apoiar Camilo.


A mudança de lado mais recente veio pelo deputado federal Manoel Salviano (PSD). Apesar de ter subido no palanque que lançou Camilo ao governo em junho, o parlamentar anunciou neste fim de semana que retirará a candidatura de seu filho, Samuel Salviano (PSD), para apoiar candidatos da chapa encabeçada por Eunício. Ely Aguiar (PSDC) e Hermínio Resende (Pros) também trocaram a base cidista pelo PMDB.


Na tarde de ontem, evento do comitê de Eunício em Fortaleza contou ainda com presença prefeitos de Milhã, Ibicuitinga, Pereiro, Mombaça e Iguatu - todos de partidos coligados com Camilo Santana.


Mesmo dono de arco de alianças menor que o do adversário (nove partidos), Eunício não escapou de ter também suas baixas. Até a tarde de ontem, os prefeitos de Limoeiro do Norte, Santa Quitéria e Nova Russas (dois deles do próprio PMDB) já haviam confirmado saída da base eunicista para apoiar Camilo. A assessoria de imprensa do petista também afirma que os vereadores Carlos Mesquita (PMDB) e Wellington Saboia (PSC) estariam apoiando Camilo. 
Eunício e Tasso em caminhada no Iguatu (Foto: Divulgação)

Em entrevista ao jornal O POVO na tarde de ontem (28/07), Eunício Oliveira se disse “assustado” com práticas de concorrentes na garantia de apoios. Sem citar nomes, o peemedebista denunciou suposto uso de recursos estaduais para cooptar prefeitos do interior. “Eu imaginava inclusive que as estradas estaduais estavam muito boas, porque nós aprovamos R$ 900 milhões para reconstrução delas. E tô vendo que tão pegando esse dinheiro e não fazendo, dando pra municípios pra fazer política”, diz.

O líder do governo na Assembleia, José Sarto (Pros), rejeitou as denúncias. “Acho que já começou a temporada de desespero político (...). O governo não vai parar porque é eleição, ele vai continuar a executar as obras que sempre executou”.

Com informações O Povo Online
Leia mais

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Vem aí o 1º Festival de Talentos Rurais de Apuiarés

A Associação Cultural Esportiva e Social de Apuiarés (Acesa) realizará próximo dia 16 de Agosto na comunidade de Vila Soares o 1º Festival de Talentos Rurais de Apuiarés em comemoração ao dia da Esperança do Projeto Criança Esperança.
O evento tem como objetivo valorizar e reconhecer os talentos rurais existentes no município de Apuiarés e contribuir para o resgate e a promoção da cultura local.Com uma programação repleta de atrações e para todos os gostos, o evento pretende contar com a participação de todas as crianças, adolescentes e jovens beneficiados pelo o Projeto Talentos Rurais da Acesa e artistas| Talentos de outras comunidades rurais.



Segundo a Presidente da Acesa Aurigele Alves " o 1º Festival de Talentos Rurais de Apuiarés será um momento de confraternizar com a comunidade em geral e possibilitará a interação entre os beneficiados com o projeto da Acesa - Talentos Rurais que desenvolvemos nas comunidades de Vila Soares, Tabuleiro e Varzea Grande no município de Apuiarés e os artistas locais já renomados.Esperamos que a comunidade participe e façam com que o evento torne-se uma tradição no município."O 1º Festival de Talentos Rurais é uma ação do projeto apoiado pelo o Projeto Criança Esperança em parceria com a Unesco e com o patrocínio da Prefeitura municipal de Apuiarés.

Fonte: Acesa
Leia mais

HOMEM É PRESO EM GUARACIABA DO NORTE ACUSADO DE TENTAR MATAR ESPOSA, FILHOS E O PRÓPRIO PAI.

A Polícia Militar do município de Guaraciaba do Norte prendeu na madrugada do dia de hoje, domingo (27/07), um homem acusado de tentar incendiar a casa com a esposa, os dois filhos e o próprio pai dentro da residência.

O indivíduo de nome Francisco Eliardo Bernardo Sousa, 34 anos de idade, foi preso após espancar sua esposa de 24 anos, e tentar assassina-la ao botar fogo na residência com a esposa os seus dois filhos menores de idade, um com dois anos e o outro de quatro anos, além do próprio pai que também encontrava-se dentro da casa que fica localizada no sitio Lagoa do Silvano, zona Rural de Guaraciaba do Norte. 

Segundo a PM com a chegada dos policiais em companhia de uma viatura da Guarda Municipal, o incêndio foi controlado e o autor foi preso em flagrante. Contudo não sobrou quase nada dos moveis e a casa ficou parcialmente destruída. 



Participaram da Ocorrência os Policiais Militares: Subtenente M. Neto, Sgt Filho, Sds Gomes Neto, Jorge, Cardoso e Sd Sávio. E os Guardas: Joaquim,Claudio, Ciçao e William.

Fonte: Ipu Notícias
Leia mais

JOVEM DE 21 ANOS É ASSASSINADO NA VILA FONSECA EM ITAPAJÉ

Um jovem de 21 anos foi barbaramente assassinado na noite deste domingo (27) em Itapajé. O crime aconteceu por volta das 21hs na Vila Fonseca. João Marcos Martins de Almeida foi abordado pelos acusados e não teve chance de defesa. 

O jovem, que era usuário de drogas, foi lesionado com vários tiros e muitas facadas pelo corpo. Segundo a policia, os acusados fugiram e não há nenhuma informação sobre a identificação dos bandidos. Este foi o 18º homicídio registrado pela policia no ano de 2014 em Itapajé.


Clipping do Blog do Clásio Marques
Leia mais

domingo, 27 de julho de 2014

Projeto Pequeno Capoeira traz Mestre Kim à Pentecoste. Confira o vídeo


Aconteceu na manhã deste domingo dia 27/07, o Primeiro Festival de Capoeira e Birimbau de Pentecoste, organizado pelo Projeto Pequeno Capoeira.

O Evento teve início por volta das 9:00 da manhã na quadra da Escola Francisco Sá e contou com a presença do Mestre Kim do Grupo Capoeira Brasil e Formando Dumbo que veio de Fortaleza trazendo vários professores capoeiristas e vários alunos graduados para abrilhantar este dia especial para o pentecostense.

Só destacando que o Projeto Pequeno Capoeira é organizado pelo capoeirista Tontonho Pedro e já tem mais de 80 crianças e adolescentes de Pentecoste matriculado desenvolvendo assim um excelente trabalho Social.
O Mestre Kim concedeu com exclusividade uma entrevista ao Blog Notícias de Pentecoste; Confira




Click aqui e veja mais imagens em nossa página no facebook

Leia mais

VEJA FILMAGEM DE UM TRAFICANTE SENDO EXECUTADO COM VÁRIOS TIROS, EM ALAGOAS

Maceió: 22/07, Durante uma investigação da policia civil , enquanto faziam filmagens de uma boca de fumo na periferia da cidade, a câmera flagrou um motoqueiro aproximando-se dos usuários atirando várias vezes.

O alvo era o suposto dono da boca que estava entre eles. Segundo informações, dias atrás os indivíduos teriam tido um desentendimento e a vítima foi ameaçada de morte.

Depois de atirar 14 vezes contra o traficante o autor empreendeu fuga mas foi preso pelos policiais que faziam as filmagens no local.

VEJA:

Clippingo do blog 
AUTOR: CABULOSO
Leia mais

Custo do voto: Federal paga a R$ 100 e estadual vai a R$ 80

Se os bastidores da disputa majoritária fervilham, intensamente agitada também está a concorrência pelo voto proporcional, para a eleição dos representantes cearenses na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados. O voto para deputado federal está cotado a R$ 100 e de estadual a R$ 80. Alguns dos atuais detentores de mandatos que já fizeram "investimentos" nas eleições de prefeitos e vereadores, em 2012, e que conseguiram liberar recursos das tais emendas parlamentares, compram por menos.

A economia marginal do período de eleição, com a movimentação de muitos milhões de reais, é um tema que as partes não querem comentar, diferentemente daquela lícita quando todos opinam e sobretudo o principal ator, o investidor, ressalta, inclusive, os benefícios sociais e os resultados favoráveis ao crescimento do Estado, advindos de suas aplicações. Nesta, ninguém esconde valores. Naquela, comprador e vendedor sequer querem ser conhecidos, talvez até, pelo fato de os seus efeitos serem maléficos, também, e principalmente, à ordem democrática que reclama eleições livres.

Com menor facilidade de arrecadação, em razão do controle, embora superficial da Justiça Eleitoral com amparo nos mecanismos de fiscalização da Receita Federal, candidatos ao Legislativo buscam socorro nas duas principais coligações que disputam o Governo do Estado.

Elas têm interesse em concentrar o maior número de aliados possíveis, mas não parecem tão fortalecidas para atenderem, sequer, suas próprias necessidades financeiras, imensas, é bom frisar, motivando, por isso, os descontentamentos e rompimentos anunciados de um e outro lado, justificados como sendo por razões meramente políticas e não pecuniária.

Mesmo com vantagens em relação aos demais candidatos, os atuais legisladores, para garantirem a reeleição, vão gastar, ou gastarão por eles, valores bem mais expressivos do que os anunciados para a Justiça Eleitoral, irreais, enfatize-se, pois muito aquém do reclamado para qualquer daqueles que queiram ter postulação competitiva. Nessa faixa está um grupo de pelo menos 13 deputados federais, todos com aguerridos prefeitos à caça de votos.

Os nove outros vitoriosos, ao fim da disputa, terão ido ao mercado, sujeitando-se ao preço da praça, fazendo o mandato beirar os R$ 5 milhões, excetuando-se os majoritariamente votados na Capital onde, diferentemente do Interior, nenhum cabo eleitoral pode estabelecer a quantidade de sufrágios "de cabresto" a entregar.


Clippingo do Blog do Lindomar Rodrigues
Leia mais

HOMENS INICIAM REBELIÃO NA CADEIA PÚBLICA DE PARAIPABA (CE)

FOTO: VC REPÓRTER/WHATSAPP

20 detentos iniciaram uma rebelião após a realização de uma vistoria na cadeia pública de Paraípaba, a 74 km de Fortaleza, na noite deste sábado (26). Policias do município revistaram as celas e encontraram facas, cosocos e celulares. 

Em represália a entrada dos PMs, após a saída do policiamento, os presos iniciaram a rebelião. Os envolvidos atearam fogo em ventiladores, móveis e colchões. 

Homens do Comando Tático Rural (Cotar/BPChoque) em conjunto com o policiamento do município, foram acionados para controlar a ação. Durante a ocorrência ninguém ficou ferido ou conseguiu fugir.

De acordo com agentes do Cotar, entre 10 a 11 aprisionados serão levados até a delegacia de Itapipoca para iniciarem o processo de transferência a unidades prisionais em Fortaleza.

AUTOR: DN
Leia mais
Produzido por ESG WEB MASTER