Política

Crimes

Pentecoste

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Pentecoste: Moto é tomada de assalto e Polícia Militar captura os bandidos após o crime

(Imagem Ilustrativa)
Na noite deste domingo, 15 janeiro, a Polícia Militar foi informada via 190, sobre o roubo de uma motocicleta, fato que aconteceu próximo à COGERH (Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos), situada na rua Agapito Cordeiro, Pentecoste.

O menor de iniciais D.A.S. estava com a namorada e foi surpreendido por dois indivíduos, armados de faca, que logo anunciaram o assalto e levaram a moto de placa HWM 0603, cor vermelha. 

Por volta das 22:30 horas, a polícia foi acionada e de imediato foi feito  diligências nas proximidades. Os policiais encontraram dois suspeitos, que pilotavam a moto com as mesmas características citadas pela vítima.  Ao serem interrogados, os elementos assumiram a prática do crime. Os acusados são: Paulo Henrique Paiva Araújo, de 18 anos e João Paulo Rodrigues Mesquita, de 19 anos, ambos residentes de Pentecoste.

Os assaltantes e a vítima foram encaminhados à Delegacia Regional de Itapipoca, onde foram providenciadas as medidas cabíveis para este caso.

Por: André Barros

Pentecoste: Moto é tomada de assalto na parede do açude Pereira de Miranda

(Imagem ilustrativa)
Segundo informações, uma moto foi tomada de assalto na noite deste domingo, 15 de janeiro, próximo ao Açude Pereira de Miranda.

Era por volta das 21:00 horas, quando o proprietário do veículo foi abordado por três indivíduos, que estavam em uma moto, cuja placa não foi identificada. Os assaltantes, na posse de uma arma de fogo, anunciaram o assalto e levaram a moto Honda de cor branca, placa ORW 2030, ano 2014, pertencente ao jovem  Samuel Rodrigues Araújo.

A Polícia Militar foi até o local, onde foram feitas diligências no intuito de localizar e prender os autores do delito. Até o momento os elementos não foram identificado e nem localizados.

Por: André Barros

Pentecoste: Tentativa de homicídio contra dois na XV de Novembro

Na noite deste domingo, 15 de janeiro, aconteceu uma tentativa de homicídio na XV de Novembro. 

Era por volta das 18:30 horas, quando a Polícia Militar foi informada sobre um tiroteio que estava acontecendo na rua João Pereira Luna, bairro XV de Novembro. 

Rapidamente uma equipe de policiais foi ao local e constatou que se tratava de uma tentativa de homicídio, contra dois homens. São vítimas da agressão Eliezer do Carmo Paulo, de 38 anos e Francisco William da Silva Costa, de 18 anos, ambos residentes do local.

Segundo informações, as vítimas estavam próximas de casa, quando foram surpreendidas pelos acusados, que estavam de moto e efetuaram três disparos de arma de fogo; os agredidos não foram atingidos. Os autores evadiram-se do local e seguiram rumo ignorado.

Um dos envolvidos foi reconhecido pelas vítimas e trata-se de um elemento vulgo "Felipe Dentim", que segundo informações, mora no bairro Ombreira. As devidas ações estão sendo tomadas pela polícia, no sentido de localizar e prender os autores da tentativa de homicídio.

Por: André Barros

Pentecoste: Homem comete suicídio na comunidade Erva Moura

Neste domingo, 15 de janeiro, por volta do meio-dia, familiares de um homem entraram em contato com a Polícia Militar e informaram que ele havia cometido suicídio mediante enforcamento, na localidade de Erva Moura - 40 km da sede de Pentecoste.

Uma equipe da polícia se deslocou até o local e constatou a veracidade do triste informe. A área foi isolada e a Perícia e o Rabecão foram acionados.

Francisco José Vieira Lima tinha 46 anos, era amasiado, aposentado e residia na localidade de Riacho da Porta, situada na referida comunidade. Não há informações sobre o que motivou Francisco a praticar autoquíria.

Por: André Barros

CPF já pode ser atualizado pela internet a partir desta segunda-feira

A partir de hoje (16), a atualização de dados cadastrais no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) poderá ser feito no site da Receita Federal. O novo serviço é gratuito e ficará disponível 24h por dia, inclusive nos feriados e finais de semana. Além dessa mudança, a Receita disponibilizará novos modelos de comprovantes de inscrição e de situação cadastral no CPF com a utilização do chamado QR Code.

Para atualizar quaisquer dados cadastrais do CPF, tais como nome, endereço e telefone, o contribuinte deverá preencher formulário eletrônico, disponível no endereço receita.fazenda.gov.br.

O serviço poderá ser utilizado por brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil, independentemente da idade. A Receita estima que cerca de 191 milhões de pessoas poderão ser beneficiadas com o serviço.

O atual serviço presencial de alteração de CPF continuará sendo disponibilizado em unidades de atendimento dos Correios, do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. Nesse caso, há cobrança de tarifa de serviço no valor de até R$ 7,00.

Avião cai e mata pelo menos 37 pessoas

Um avião de uma companhia aérea turca que partiu de Hong Kong, na China, com destino a Istambul, na Turquia, caiu no Quirguistão causando a morte de ao menos 37 pessoas. 

O Boeing 747 TC-MCL da companhia privada MyCargo Airlines (ATC) partiu de Hong Kong e acabou caindo em uma área residencial perto do Aeroporto de Manas, o principal do país e que se localiza cerca de 25 quilômetros da capital Bishkek.

"Segundo as informações preliminares, a teoria de atentado terrorista foi excluída, provavelmente o acidente foi causado por um erro do piloto", afirmou o vice-premier do Quirguistão, Muhammetkaly Abgaziev.

Na hora da queda, a névoa na região era muito forte e, assim, a visibilidade estava ruim. O avião caiu a cerca de 2 quilômetros da pista de pouso entre as casas do vilarejo Dacha-Suu, destruindo ao menos 15 edifícios e pegando os moradores de surpresa.

Agência Brasil

Bandidos colocam fogo em viatura da Polícia Rodoviária Federal

Uma viatura da Polícia Rodoviária Federal (PRF-CE), foi incendiada durante a noite de domingo (15), no estacionamento da concessionária Codisman, na avenida Rogaciano Leite, no bairro Patriolino Ribeiro, em Fortaleza. Uma outra viatura também sofreu danos. O segundo veículo, também da PRF, teve seus pneus furados. Os carros são novos e seriam entregues nesta segunda-feira (16). 

As chamas foram percebidas por populares, após dois homens se aproximarem e efetuarem disparos contra a viatura, no estacionamento. Em seguida, atearam fogo e fugiram. Os moradores e um vigilante tentaram controlar as chamas, mas a situação só foi controlada após a chegada do Corpo de Bombeiros. 

Um carro do Governo do Estado do Ceará também estava no local, mas não foi atingido e nem depredado. Os veículos estavam no espaço para reparos.

Vereador preso com 300kg de drogas ri e é aplaudido durante posse

O vereador Messias Aguiar (PMDB) que tomou posse do cargo com uma das mãos algemada e com paletó sobre o uniforme de presidiário, na manhã desta sexta-feira (13), foi recebido com aplausos pela população e ainda deu risada durante a cerimônia de posse. Messias foi preso com quase 300 kg de drogas um dia após ter sido eleito vereador no município de Ubaitaba, no sul da Bahia. O vereador tem 34 anos e foi o segundo mais votado na cidade, com 571 votos.

Nas imagens, é possível notar que o vereador é levado algemado para a posse em uma viatura. Assim que chegou em Ubaitaba para assinar o termo de posse, ele riu para a população que gritava o nome dele e o aplaudia. "Eu, eu, eu, Messias apareceu", gritava o povo.

Logo após a cerimônia, o vereador Messias Aguiar voltou sob escolta para o Conjunto Penal de Valença. O público acenou para o vereador enquanto ele era colocado na viatura. O mandato do legislativo municipal está previsto para começar no dia 2 de fevereiro.

No dia 5 de janeiro deste ano, Messias Aguiar foi diplomado para o cargo mesmo sem ter sido solto. A diplomação ocorreu por meio de procuração e foi autorizada pela Justiça Eleitoral.

A posse

O prazo para posse do vereador seria encerrado no domingo (15). Caso o documento não fosse assinado, o suplente iria ocupar o cargo. Em entrevista, o advogado de Messias relatou que a Justiça autorizou que ele deixasse o Conjunto Penal de Valença, onde está preso, e seguisse até o município onde foi eleito para assinar o termo de posse. "Foi uma recepção muito bacana. A presença dele teve uma repercussão muito boa, graças a Deus. Ele é uma vítima e vai ser absolvido", afirmou Rogério Andrade.

O advogado questionou o modo de operacionalização da polícia, ao afirmar que não havia necessidade do cliente ser empossado com uma das mãos algemada. "Uma tentativa de desmoralização, que não funcionou. Ele foi muito bem recebido", disse.

O advogado afirma que o cliente é inocente e que não tem relação com o tráfico de drogas. "Aconteceu uma apreensão em um município e ele foi preso em outro. Ele nega a acusação e vai ser absolvido", espera o advogado.

Pesquisador trata água de barreiro com mandacaru

Com simplicidade e baixo custo, o caririense mostra que é possível tornar potável água barrenta

 por André Costa - Colaborador
Antônio Sávio é graduado em Química pela UFC e especializado em tratamento de água ( Foto: André Costa )

O tratamento divide-se em dois procedimentos: para as águas que estão armazenadas por até dois anos e àquelas de quatro a seis anos ( Foto: André Costa )

Juazeiro do Norte. O ano de 2017 iniciou com registros de precipitações em algumas regiões do Ceará. Apesar disso, a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) só vai divulgar a previsão para esta quadra chuvosa, que começa em fevereiro, no próximo dia 18. O sertanejo olha o chão rachado dos açudes secos e suplica aos céus um inverno melhor. O Estado já enfrenta a pior seca prolongada desde 1910.

Segundo a Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh), dos 153 açudes monitorados pelo órgão, 136 encontram-se com volume abaixo de 30%, dos quais 48 estão no volume morto e 37 secos. Diante deste quadro, falta água para consumo humano, animal e para irrigação. Frente ao colapso hídrico generalizado, um pesquisador caririense desenvolveu um meio de tratar a água de barreiro para consumo humano e animal utilizando o mandacaru, planta nativa e que já é explorada pela indústria de cosméticos.

"É um trabalho que não onera o sertanejo. O tratamento possui custo zero e acessibilidade total. O processo é artesanal e 100% natural, realizado a partir do cerne do mandacaru", destaca Antônio Sávio Aires Furtado, graduado em Química pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e especializado em tratamento de água e esgoto público, hospitalar e industrial. Segundo ele, "o objetivo da pesquisa foi desenvolver algo emergencial, que ajudasse o homem do campo a conviver de forma menos impactante com a seca".

Antônio Sávio lembra que a água de barreiro é a última alternativa hídrica para o sertanejo. "Trata-se de águas com uma elevada turbidez; com uma cor amarelada, provenientes de terrenos argilosos, ricos em ferro; e tem a presença de matéria orgânica, proveniente de contaminações trazidas pelos ventos e dejetos de animais. Mas, a partir desse tratamento, pode ficar apta ao consumo", explica.

Processo

O tratamento divide-se em dois procedimentos: para as águas que estão armazenadas por até dois anos (água barrenta nova), e àquelas de quatro a seis anos de armazenamento (água barrenta velha). A diferença entre elas é a quantidade de concentração de matéria orgânica. No primeiro cenário, coloca-se um litro de água do barreiro em um recipiente plástico transparente, tipo garrafa PET, corta-se um pedaço de aproximadamente 2,0g do cerne do mandacaru (adulto), em forma de cubo, fazendo cortes no sentido vertical e horizontal, até expor sua parte gelatinosa/pectinosa.

Em seguida, o cerne é inserido dentro da água e deixado em repouso por aproximadamente dez minutos. "Após este tempo, a garrafa é agitada manualmente com um bastão até notar a presença da formação de flocos graúdos na água. Deixe em repouso por aproximadamente cinco minutos até que ocorra a decantação dos flocos para o fundo do recipiente, tornado a água límpida e própria para os diversos usos", detalha. A operação de agitação pode ser realizada varias vezes até que se observe que a água esteja límpida.

Esse procedimento, segundo o pesquisador, pode ser ampliado para quantidades maiores, como para bombonas plásticas de 200 litros, tanques de alvenaria destinados e bebedouros de animais. No entanto, adverte que, se a água for destinada para potabilidade, como consumo humano, após o tratamento, deve-se colocar três gotas de hipoclorito de sódio (água sanitária), para cada litro, e esperar meia hora antes de usá-la, "tempo necessário para que ocorra a desinfecção total".

Já para a água barrenta mais velha, o tratamento ganha o auxílio de cal hidratada branca (hidróxido de cálcio) junto ao mandacaru. "Ao fim do tratamento, conseguimos uma água alcalinizada, com um pH em torno de 8,5 a 9,0, dentro dos parâmetros permitido pelo Ministério da Saúde", garante Sávio.

"O processo é semelhante ao anterior. A diferença está só na adição da cal. Dentro da PET, adiciona-se 1,0g a 2,0g de hidróxido de cálcio, agita moderadamente com um bastão por aproximadamente um minuto. Depois repete o mesmo processo anterior", acrescenta. Em ambos os processos, o tratamento da água deve ser realizado na sombra, protegido dos raios solares. Já o lodo, junto com os dejetos do mandacaru resultante do tratamento, que ficam decantados no fundo do recipiente, pode ser usado posteriormente como adubo orgânico.

Sem efeitos secundários

De acordo com o especialista, não há nenhuma evidência encontrada de que o mandacaru possa causar efeitos secundários nos seres humanos, especificamente com baixas doses usadas para o tratamento da água. "É um produto natural, com quantidades significativas de fibras, formadas por polímeros naturais de elevada massa molecular, como amido, hemicelulose, pectina e lignina", pontua, ao acrescentar que já está estudando uma forma de tratar a água do "volume morto de açude", por meio de polieletrólitos naturais extraídos da flora do Semiárido nordestino.

Diário do Nordeste

domingo, 15 de janeiro de 2017

PM domina todo presídio do RN; mortos podem passar de 30, diz Itep

Rebelião na Penitenciária de Alcaçuz durou cerca de 14h.

Itep deu início à perícia no local; corpos estão sendo recolhidos.

Fernanda Zauli e Fred Carvalho
Do G1 RN
Polícia faz revistde presos (Foto: Adriano Abreu/Tribuna do Norte)Polícia faz revista de presos (Foto: Adriano Abreu/Tribuna do Norte)
O número de mortos durante a rebelião na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, no Rio Grande do Norte, pode passar de 30, segundo o Instituto de Técnico-Científico de Polícia (Itep). A rebelião começou na tarde de sábado (14) e terminou 14h depois já na manhã deste domingo (15). De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), toda a penitenciária está dominada pela polícia e o trabalho de perícia já foi iniciado.
"Já iniciamos o trabalho de perícia", disse Marcos Brandão, diretor do Itep/RN. De acordo com fontes do governo, o número de mortes deve passar de 30. O Itep montou uma 'operação de guerra' para receber os corpos. Uma carreta frigorífica foi contratada para armazenar os corpos e legistas do Ceará e da Paraíba vão auxiliar no processo de identificação.
Nove presos que estavam com ferimentos graves foram transferidos para o Pronto-socorro Clóvis Sarinho, em Natal. De acordo com a direção do hospital, nenhum deles corre risco de morte, mas não há previsão de alta.
Em entrevista coletiva realizada na manhã deste domingo (15) o Governo do Estado informou que identificou pelo menos seis líderes da rebelião. De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), o governo vai pedir a transferências dos líderes para presídios federais. Outros detentos devem ser transferidos ainda neste domingo (15) para outras unidades prisionais do estado.
O titular da Sejuc, Wallber Virgolino, confirmou que os presos do pavilhão 5 invadiram o pavilhão 4. Segundo ele, um trabalho de contenção realizado por agentes penitenciários com o uso de bombas de efeito moral evitou a entrada dos rebelados no pavilhão 1. "Em termos de número de mortes essa é a maior rebelião da história do Rio Grande do Norte", disse.
Ainda de acordo com o secretário, a rebelião no Rio Grande do Norte não tem relação confirmada com os motins no Amazonas e em Roraima. "Não há confirmação de relação, mas com certeza as rebeliões naqueles presídios incentivou o que aconteceu aqui", disse Virgolino.
Três equipes de delegados da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e 15 homens estão responsáveis pela perícia dos locais de crime.
A Penitenciária de Alcaçuz, segundo o governo, ficou parcialmente destruída e não há previsão para reconstrução. Ainda na tarde de sábado (14) um detento fugiu da penitenciária, mas foi recapturado em seguida.
Sobre a rebelião
A rebelião começou com uma briga entre presos dos pavilhões 4 e 5 por volta das 17h de sábado (14). De acordo com a presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Vilma Batista, homens em um carro se aproximaram do presídio antes da rebelião e jogaram armas por sobre o muro.

Segundo o governo, a briga estava restrita aos dois pavilhões. O pavilhão 5 é o presídio Rogério Coutinho Madruga, que fica anexo a Alcaçuz. Há separação entre presos de facções criminosas entre os dois presídios.
De acordo com a Sejuc, os próprios presos desligaram a energia do local e, com isso, os bloqueadores de celulares da unidade prisional deixaram de funcionar. Durante a madrugada foram ouvidos tiros dentro da unidade prisional e muita fumaça era vista no local.
Na manhã deste domingo (15) policiais militares entraram na unidade prisional com veículo blindado, vans e carros para tentar acabar com rebelião. A rebelião foi controlada por volta das 7h20.
Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal, e é o maior presídio do estado. A penitenciária possui capacidade para 620 detentos, mas abriga cerca de 1.150 presos, segundo a Sejuc, órgão responsável pelo sistema prisional do RN.
penitenciária, presídio, Alcaçuz, rn, rio grande do norte, polícia militar, pm, bope, blindado (Foto: Fred Carvalho/G1)Blindado da Tropa de Choque da PM do Rio Grande do Norte entra na penitenciária estadual de Alcaçuz, na Grande Natal (Foto: Fred Carvalho/G1)
presos, detentos, penitenciária, presídio, Alcaçuz, rn, rio grande do norte (Foto: Fred Carvalho/G1)Presos amanhecem no telhado da penitenciária, de Alcaçuz, a maior do Rio Grande do Norte, em rebelião. Quando a Tropa de Choque entrou no presídio, eles já estavam fora dos telhados (Foto: Fred Carvalho/G1)
  •  
familiares, familia, presos, detentos, penitenciária, presídio, Alcaçuz, rn, rio grande do norte, polícia militar, pm, bope, blindado (Foto: Anderson Barbosa/G1)Familiares de detentos aguardam em frente à penitenciária de Alcaçuz (Foto: Anderson Barbosa/G1)
Auxílio
Em entrevista ao Jornal Nacional, o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, disse que o combate ao crime organizado dentro dos presídios será intensificado. Sobre a rebelião, o ministro afirma estar "aguardando, eventualmente, o pedido de algum auxílio". "Obviamente, em havendo esse pedido, o auxílio será imediato”, afirmou Moraes.

"O sistema está superlotado há muito tempo. Eu costumo repetir que não há passo de mágica pra solucionar um problema crônico no Brasil. É um problema que, governo após governo, vem se ampliando", afirmou. "Nós temos aproximadamente, hoje, 650 mil presos. Com um deficit de quase 300 mil vagas. Obviamente, isso acaba tornando o sistema um barril de pólvora".
O governador do Estado, Robinson Faria, afimou ter entrado em contato com o ministro, para que o governo federal acompanhe a situação do Estado.
Rebeliões e fugas
A última rebelião em Alcaçuz foi registrada em novembro de 2015. Houve quebra-quebra após a descoberta de um túnel escavado a partir do pavilhão 2. “Assim que acabou a visita social, por volta das 15h, os presos se amotinaram”, disse o secretário de Justiça da época, Cristiano Feitosa.

Mais de 100 presos conseguiram escapar do presídio no ano passado, em 14 fugas. A maioria deixou o presídio por meio de túneis escavados a partir dos pavilhões ou por buracos abertos no pé do muro, sempre sob uma guarita desativada ou sem vigilância.
Força Nacional
Na segunda-feira (9), o Ministério da Justiça prorrogou por mais 60 dias a presença da Força Nacional de Segurança no Rio Grande do Norte. Os policiais enviados pelo governo federal estão atuando no patrulhamento das ruas e podem atuar na segurança do perímetro externo das unidades prisionais localizadas na Grande Natal.

A Força Nacional chegou ao estado em março de 2015, durante a série de motins no sistema prisional do estado, e o prazo de apoio poderá ser novamente prorrogado, caso haja necessidade.

Presos se rebelaram na tarde deste sábado (14), em Alcaçuz (Foto: Divulgação/PM)Presos se rebelaram na tarde deste sábado (14), em Alcaçuz (Foto: Divulgação/PM)
Calamidade pública
O sistema penitenciário potiguar entrou em calamidade pública no mesmo mês, em março de 2015. Na ocasião, foram gastos mais de R$ 7 milhões para recuperar 14 presídios depredados durante motins, mas as melhorias foram novamente destruídas. Atualmente, em várias unidades as celas não possuem grades e os presos circulam livremente dentro dos pavilhões.

Segundo a Secretaria de Justiça e da Cidadania (Sejuc), órgão responsável pelo sistema prisional do estado, o Rio Grande do Norte possui 33 unidades prisionais, que oferecem 3,5 mil vagas, mas a população carcerária é de 8 mil presos - ou seja, o déficit é de 4,5 mil vagas.
Acre e Amazonas
Na quinta-feira (12), presos apontados pelos setores de inteligência do Acre e do Amazonas como líderes de facções criminosas chegaram à penitenciária federal de Mossoró, na região oeste do Rio Grande do Norte. Ao todo, foram 19 detentos que foram trazidos em uma operação especial para o presídio potiguar - 14 do Acre e 5 do Amazonas.

Rebelião Alcaçuz RN - Arte (Foto: Editoria de Arte/G1)

Ex-jogador de futebol cearense é assassinado em Fortaleza

José Milton Azevedo da Silva, mais conhecido como Miltinho, havia sido bicampeão paraibano com as camisas de Sousa (2009) e Treze (2010)


O ex-jogador Miltinho fez passagens pelo Fortaleza e pelo Tiradentes, mas construiu carreira sólida nos times da Paraíba ( Divulgação )

O ex-jogador de futebol cearense José Milton Azevedo da Silva, 41 anos, foi morto a tiros no bairro Jardim Guanabara, na noite deste sábado (14), por volta das 21h30. A informação foi confirmada pelo tenente coronel Solonildo, responsável pela área.

O atacante Miltinho, como era conhecido, foi socorrido e levado para o Frotinha do Antônio Bezerra, mas já chegou ao hospital sem vida. Segundo a família, o ex-jogador foi atingido com dois tiros no tórax. Ainda não há informações sobre as causas do homicídio.

De acordo com Wânia Azevedo, 44 anos, irmã do atacante, Miltinho iniciou sua carreira profissionalmente em 1996 no Portuguesa Futebol Clube, a Portuguesa do Crato. Jogou no Fortaleza em 1998, 2000 e 2001; e no Tiradentes-CE, em 2007. Mas foi na Paraíba que o jogador fez carreira sólida, vestindo as cores de times como Miramar, Auto Esporte, Botafogo-PB, Campinense, Nacional de Patos, Sousa, Esporte e Treze. O ex-jogador foi inclusive bicampeão paraibano com as camisas de Sousa (2009) e Treze (2010).


Ele também teve passagens por times pernambucanos como o Náutico, o Santa Cruz, o Ypiranga-PE e o Unibol Pernambuco. "Ele foi artilheiro no Naútico, teve uma passagem importante por Pernambuco", complementou Wânia Azevedo.

A última atuação profissional do jogador foi aos 37 anos, no Nacional de Patos. Desde o retorno a Fortaleza, há quatro anos, Miltinho manteve-se dedicado ao esporte, desta vez treinando crianças e adolescentes e promovendo competições de futebol na Areninha Thauzer Parente, no bairro Quintino Cunha, onde residia. Segundo Wânia, o ex-jogador atendia cerca de 50 crianças, entre 8 e 13 anos. "O trabalho dele sempre foi voltado para o esporte. Na Areninha, ele treinava os meninos, sempre vislumbrando futuros jogadores, participando de torneios, descobrindo talentos mesmo", completou.

O sepultamento será neste domingo (15), no Cemitério Jardim do Èden, na Pacatuba, às 15h30.

Repercussão

A morte de Miltinho foi divulgada no Facebook pelo ex-jogador Cícero Cesar. O atleta lamentou o assassinato do amigo e prestou solidariedade a família. 


Lúcio Rodrigues, que jogou com Miltinho no Nacional de Patos em 2013, soube do ocorrido ainda na noite de sábado (14). "Alguns amigos próximos me ligaram e falaram da morte dele. Ainda socorreram, mas infelizmente não resistiu", lamenta. Ultimamente, o contato entre Lúcio e a vítima era restrito a algumas partidas de futebol na Areninha do Quintino Cunha. "De vez em quando a gente se encontrava e batia uma bola lá", lembra.
O colega desconhece as causas do homicídio de Miltinho, mas comenta que essa não foi a primeira vez que ele foi baleado. "Há uns anos atrás ele já tinha levado uns disparos nessa mesma área em que ele morava, e sobreviveu. Mas dessa vez não teve sorte", diz.

Diário do Nordeste

Guerra entre facções já tem pelo menos 10 mortos em Natal

Facções Primeiro Comando da Capital (PCC) e Sindicato do Crime RN estão envolvidas



O motim começou por volta das 16h30 e ainda não foi controlado pelas autoridades estaduais ( Foto: Divulgação )

A Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, cidade ao lado de Natal, registra nesta sábado (14) mais um capítulo da guerra entre facções com a morte de ao menos 10 presos. Segundo a assessoria do governo estadual, trata-se de uma disputa entre as facções Primeiro Comando da Capital (PCC) e Sindicato do Crime RN.

Maior penitenciária do Rio Grande do Norte, Alcaçuz tem cerca de 1.150 presos em um espaço com capacidade total para 620.

O motim começou por volta das 16h30 e ainda não foi controlado pelas autoridades estaduais. Os presos teriam invadido o pavilhão 1 e o 5. O pavilhão 5 é uma unidade separada e que faz parte do Complexo de Alcaçuz. Atuam no Rio Grande do Norte, além do Primeiro Comando da Capital (PCC), o Sindicato do Crime do RN rival do grupo paulista e mais próximo da Família do Norte e Comando Vermelho.

Em Alcaçuz, segundo fonte ouvida pelo Estado, os pavilhões 1,2,3 e 4 são dominados pelo Sindicato do Crime RN e o 5 encontra-se com presos com algum tipo de ligação o PCC.

O Batalhão de Choque, o Bope e a Força Nacional estão no local para tentar conter a rebelião. O governo um grupo de gerenciamento de crise para acompanhar a rebelião com integrantes de todas as forças de segurança do estado e Ministério Público. O grupo, segundo a assessoria do governo, vai trabalhar em regime de plantão para tentar reverter a situação de descontrole dentro do sistema prisional.


Diário do Nordeste

sábado, 14 de janeiro de 2017

Nota de Falecimento: Renata do Nascimento Pereira

As pessoas são insubstituíveis em sua existência, e quando são especiais, além da falta que fazem, deixam o mundo mais pobre. É com tristeza que escrevemos está matéria!

Faleceu neste sábado, uma grande mulher, que serviu à população de Pentecoste inúmeras vezes, um nome que vai ficar marcado na história de muitos: Renata do Nascimento Pereira. 

Muito fez por Pentecoste quando era conselheira tutelar, trabalhou nos PSF (

Programa Saúde da Família) e estava prestando serviços no hospital público de Horizonte.

Na tarde desta sexta-feira, 13 de janeiro, noticiamos o estado delicado em que ela se encontrava, infelizmente Renata não resistiu. 


Ela partiu e deixou muitas lições de amor, amizade, profissionalismo, ética e humanidade. No extremo ato de amor ao próximo, a família fez um gesto nobre e os órgãos serão doados.

Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento triste e de dor. Também pedimos que Ele dê à Renata um merecido repouso eterno em sua morada. 


Muito respeitosamente, prestamos as nossas condolências e deixamos através dessa publicação, os mais sinceros votos de pesar.  Desejamos fortemente que Deus  a receba de braços abertos. Descanse em paz Renata do Nascimento.


Por: André Barros

Pressionado pelo Direitos Humanos, Governador do AM libera pagamento de indenização milionária a família dos bandidos que morreram no presidio

A Ministra dos Direitos Humanos, Maria do Rosário, cobrou indenização das famílias dos 56 mortos na rebelião que aconteceu no presídio de Manaus. O Governador do Amazonas, José Melo, anunciou que as secretarias de Administração Penitenciária (Seap), de Justiça, de Direitos Humanos, Cidadania e Assistência Social sejam solidárias com as famílias dos criminosos que mataram um aos outros no massacre da penitenciária de Manaus. A indenização poderá chegar até um milhão de reais.

O governador do Amazonas, José Melo (PROS), determinou na manhã desta terça-feira que a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) inicie os trâmites para a indenização das famílias dos detentos mortos durante a guerra de facções das unidades prisionais de Manaus, conforme prevê a Constituição Federal e jurisprudências do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), que têm repercussão geral e obrigatória aos Estados.

AUTORIZAÇÃO PARA INDENIZAR AS FAMÍLIAS DOS BANDIDOS

Em março de 2016, o GOVERNO decidiu que o poder público tem o dever de indenizar a família de detento que morrer dentro do presídio, mesmo que seja caso de suicídio. Cabe a cada juiz definir o valor da indenização devida, dependendo do caso específico.

O ministro Marco Aurélio Mello, do STF, disse ao GLOBO nesse segunda-feira que o Estado é responsável pela integridade do preso.

— (As mortes são) resultado da não observância da Constituição Federal, que impõe ao Estado preservar a integridade física e moral do preso. Um dia, voltará ao convívio social. Ressocializado? Não. Embrutecido. Perde, em muito, a sociedade — afirmou.

O ministro lamentou que, no Brasil, as indenizações ainda demorem muito para ser concedidas em casos de tanta gravidade:

— A responsabilidade civil no Brasil ainda engatilha. Em país desenvolvido, seria consequência automática. Onde vamos parar? Nas penitenciárias, vinga a lei do mais forte. Que tristeza. E o pior: a sociedade quer vísceras. Não se avança culturalmente assim.

Pentecoste: Casa pega fogo no bairro Barreiros; bombeiros estão no local

Na noite desta sexta-feira, 13 de janeiro, uma casa entrou em processo de combustão, na rua Jacinto Feijó de Melo, situada no bairro Barreiros, Pentecoste. 

Até o momento não há informações oficiais sobre o que motivou o incêndio. Segundo informações, a residência pertence a um homem conhecido como Lauriano, reciclador que guardava os materiais no local.

Os bombeiros foram acionados, o Corpo de Bombeiros interditou a rua e está a espera da equipe da Perícia, pois segundo informações, existe a possibilidade do proprietário ter sido carbonizado junto a casa. Mais informações em matérias posteriores. Confira o vídeo filmado no momento incêndio:



Por: André Barros
 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster