ANSIEDADE: O DIFÍCIL DRAMA DE ESPERAR PELO AMANHÃ - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

terça-feira, 31 de março de 2020

ANSIEDADE: O DIFÍCIL DRAMA DE ESPERAR PELO AMANHÃ




Se você está esperando por algo que acontecerá amanhã, consideremos que você está ansioso, certo? Sim! É uma emoção super normal, onde te leva ao estado de alegria ou tristeza passageira causado por uma expectativa do fruto de uma ação real, mas se você está sempre esperando pelo dia de amanhã, e essa espera lhe gera uma continua sensação de angústia, esta reação contrária a normalidade.

A ansiedade permanente destrói por minutos a paz, o conforto do corpo e o jeito de ser. Notadamente, ela sentida no corpo pela dor e o aumento dos batimentos do coração; falta de ar; tremores; problemas intestinais; fraqueza e cansaço, este último, mais cruel, porque te proporciona um vazio.

Psicologicamente, a ansiedade fortalece todas aquelas emoções desprezíveis, que afloram mesmo sem querer, o nervosismo, a insônia, a insegurança, a desconcentração e os impulsos desequilibrados.

Só quem vive este drama sabe o quanto é difícil esperar pelo amanhã.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, o Brasil tem hoje o maior número de pessoas ansiosas do mundo, uma estimativa que atinge quase 20 milhões de pessoas.

Entre a certeza e a incerteza vivida diariamente, vivemos a certeza de um sofrimento, no qual, recebe a desatenção e o pouco-caso dos ignorantes e insensíveis que produzem mais infelicidade.

A ansiedade não é uma frescura e/ou vitimismo, é uma doença densa, uma descapacidade de encarar as questões por motivos invariáveis e desconhecidos do próprio indivíduo. Não cabe-se ainda um julgamento lógico para este mau das últimas décadas e posteriores.

É desesperador acordar pela manhã ou não dormir por não conseguir uma solução para as questões criadas pelo cérebro, é horrível a ausência de disposição para viver, é ainda mais triste não encontrar um apoio que acalme e compreenda as divergências do comportamento.

A ansiedade é um problema social e de saúde pública que deve receber mais atenção e cuidados que minimizem este caos mental.

Por: DAVI ALBUQUERQUE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!