Prefeito e vereadores de Pentecoste tomam posse; veja os vídeos com os discursos dos eleitos - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

terça-feira, 5 de janeiro de 2021

Prefeito e vereadores de Pentecoste tomam posse; veja os vídeos com os discursos dos eleitos

João Bosco (PDT) tomou posse na última sexta (1º) como prefeito de Pentecoste. Além dele, 13 vereadores assumiram o cargo; eles foram eleitos em 15 de novembro. Suplentes podem substituir os vereadores que deixarem o cargo para ocupar uma outra função.

Solenidade de posse dos eleitos da cidade de Pentecoste( Foto: Câmara Municipal de Pentecoste/ Reprodução)

Prefeitos e vereadores do Ceará tomam posse na última sexta-feira, 1º de janeiro de 2021. Em alguns municípios, o prefeito está em situação sub judice, ou seja, aguarda decisão da Justiça para saber se poderá ou não tomar posse.

O prefeito João Bosco Pessoa Tabosa tem 55 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de prefeito e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 1.380.000,00.

Em abril de 2019, o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) denunciou o prefeito de Pentecoste, João Bosco Pessoa Tabosa, pelos crimes de associação criminosa, estelionato contra idoso e lavagem de dinheiro. A denúncia foi feita através da Promotoria de Justiça de Pentecoste e do Grupo de Combate às Organizações Criminosas (GAECO).



Já o vice Gardel Paiva (Marcio Gardel de Paiva Ladislau), do PDT, tem 44 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de professor de ensino médio e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 64.600,00.




Lista dos eleitos em 2020 e seus respectivos discurso de posse:


Hailton Castro, do PT, tem 37 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.

Em dezembro do ano passado, o Ministério Público Eleitoral (MPE), por intermédio da Promotoria da 50ª Zona, ajuizou Ações de Investigação Judicial Eleitoral (AIJEs) requerendo a cassação do registro de candidatura ou do diploma do vereador reeleito.

Hailton Castro teria captado votos ilicitamente, com valores entre R$ 20 e R$ 30, e fornecido meios vedados para buscar eleitores e levá-los aos seus locais de votação, segundo o MP Eleitoral.

Professor Tony Ramos, do PT, tem 38 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de professor de ensino fundamental e tem superior completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.

Celio Campelo, do PSD, tem 48 anos, é casado e tem ensino médio completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.

Tiago, do PSD, tem 39 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 59.000,00.

Manoel Forte, do PSB, tem 41 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 48.146,31.

Flavio Carneiro, do PDT, tem 55 anos, é casado e tem ensino fundamental completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 278.000,00.

Daniel Castro, do PDT, tem 38 anos, é divorciado e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 120.000,00.

Daniel Castro também foi um dos vereadores eleitos que o Ministério Público Eleitoral (MPE), ajuizou Ações de Investigação Judicial Eleitoral (AIJEs) requerendo a cassação do registro de candidatura ou do seu diploma.

As informações colhidas pelo MP Eleitoral revelou que o vereador eleito Daniel Castro, ex-secretário de Agricultura e Pesca de Pentecoste, utilizou recursos próprios para financiar serviços de perfuração de poços profundos na zona rural do município, em troca de votos e do apoio de famílias beneficiadas com a obra.

Zezinho Xavier, do PDT, tem 60 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 27.000,00.

Pastor Vaumir, do PDT, tem 38 anos, é casado e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 160.000,00.

O parlamentar foi denunciado pelo MP Eleitoral por ter se beneficiado de sua posição de coordenador do Projeto Pro-Futuro, dando e prometendo vantagens às famílias carentes assistidas pela ONG em troca de apoio e de sua promoção pessoal, conforme vídeos divulgados nas redes sociais do próprio político.

O Ministério Público Eleitoral (MPE), também ajuizou Ações de Investigação Judicial Eleitoral (AIJEs) requerendo a cassação do registro de candidatura ou diploma do vereador eleito.

Valdelice do João Flávio, do PDT, tem 49 anos, é casada, declara ao TSE a ocupação de vereadora e tem superior completo. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 524.500,00.

Beto Carneiro, do Patriota, tem 59 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de motorista de veículos de transporte coletivo de passageiros e tem ensino médio completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.

Professor Junior, do Patriota, tem 46 anos, é divorciado, declara ao TSE a ocupação de professor de ensino fundamental e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 80.000,00.

Cassio, do Avante, tem 35 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de agricultor e tem ensino fundamental completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.

A presidência da Câmara Municipal de Pentecoste será comandada de 2021 à 2022, pala vereadora reeleita Valdelice Braga do PDT.


Por Luan Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!