Cada sala de aula do Ensino Fundamental pode expor 336 pessoas por dia ao coronavírus - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Cada sala de aula do Ensino Fundamental pode expor 336 pessoas por dia ao coronavírus

Cenário hipotético leva em conta média de 20 alunos e um professor por turma, como no Ensino Fundamental, e não considera contatos fora da sala ou do círculo familiar. No cotidiano, contatos são ainda mais numerososPor Marcela Tosi

SALA DE AULA: retorno das aulas presenciais está previsto para setembro no Ceará, mas opção de aulas remotas será mantida

Desde o início da reabertura gradual do comércio e outras atividades, em junho, os governos estadual e municipais no Ceará têm sido pressionados a retomar as aulas presenciais, mesmo com a pandemia da Covid-19 ainda fora de controle. As complexidades são muitas, da necessidade de voltar ao trabalho sem poder deixar algum responsável com os filhos em casa às dificuldades do ensino remoto e aos riscos à saúde. Mesmo não sendo vítimas graves da doença, crianças e adolescentes estão no ciclo de contágio e podem transmitir o novo coronavírus.

"As escolas e salas de aula são, por sua natureza, um espaço de trocas e contatos", afirma Severino Horácio, professor do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT) da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). Horácio criou, junto da colega Michelli Barros, um modelo para calcular o número de pessoas a que cada aluno estaria exposto e o de possíveis contatos cruzados entre eles. "O que consideramos é que, pelos estudos epidemiológicos, a possibilidade de contágio é maior conforme quanto maior for a taxa de contato entre os indivíduos suscetíveis e os infectados."

A pedido do O POVO, o pesquisador analisou, a partir da média de estudantes por turma, cenários possíveis para escolas no Ceará em quatro níveis de ensino: Infantil, Fundamental 1, Fundamental 2 e Médio. Mantendo relação com o perfil populacional médio do Estado, as hipóteses consideram que cada professor mora com um cônjuge e dois filhos e que cada aluno vive com dois adultos e um irmão. Nessas condições, em uma aula para uma turma dos anos iniciais do Ensino Fundamental com 20 estudantes e um professor, cada pessoa estaria exposta a outras 83. Considerando contatos cruzados, seriam 336 possibilidades de contágio em um único dia.

A situação varia conforme se alteram as quantidades de alunos e de professores em cada turma. Uma turma do Ensino Médio, com 35 estudantes e dez professores, coloca cada pessoa exposta a outras 179 e gera 1.206 contatos indiretos. "Vale ressaltar que não consideramos que os professores ministram aulas em outras turmas, nem que eles e alunos tiveram contato com outras pessoas fora de suas classes ou de suas residências. No cenário real, esses números são ainda maiores", aponta Horácio.

Outros dois cenários analisados não deixam de ser alarmantes. No Ensino Infantil, cujas turmas têm em média 17 alunos, em um único dia de aula, 72 poderão ser expostas ao vírus e haveria 261 contatos cruzados. Já em uma sala de Ensino Fundamental 2, com média de 26 estudantes e dez professores, deixa 144 pessoas expostas e torna possíveis 846 contatos cruzados. 
Sobre o assunto:

Riscos de exposição em um dia de aula

Análise considera dados do Inep para média de alunos por turma e do IBGE para média de pessoas por família. Número de professores por turma pode variar dependendo da escola e das disciplinas ofertadas.

Educação Infantil: 17 alunos/turma

(considerando que cada aluno convive com dois adultos e mais uma criança e que o professor(a) tem um cônjuge e dois filhos)

O número de pessoas expostas, no caso desta única turma, num único dia de aula, será de 72. Já o número de contatos cruzados poderá chegar a 261.

Anos iniciais do Ensino Fundamental: 20 alunos/turma

(considerando que cada aluno convive com dois adultos e mais uma criança e que o professor(a) tem um cônjuge e dois filhos)

Serão 84 pessoas expostas. O número de possíveis contatos cruzados entre essas pessoas poderá chegar a 336.

Anos finais do Ensino Fundamental: 26 alunos/turma

(considerando que cada aluno conviva com dois adultos e mais uma criança e que eles têm dez professores que moram com seu cônjuge e têm em média 2 filhos)

Esta sala de aula deixará exposta um total de 144 pessoas. O número de contatos cruzados possíveis nessa turma será de 846.

Ensino Médio: 35 alunos/turma

(considerando que cada aluno conviva com dois adultos e mais uma criança e que eles têm dez professores que moram com seu cônjuge e têm em média 2 filhos)

Serão 180 pessoas diretamente expostas e 1.206 contatos cruzados.

Fonte: O Povo

Fonte: UFCG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!