Polícia prende por tráfico de drogas participante do assalto milionário ao Banco Central em Fortaleza - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Polícia prende por tráfico de drogas participante do assalto milionário ao Banco Central em Fortaleza

Prisão foi feita pela polícia cerense, na cidade de Boa Viagem, interior do Ceará. Homem possuía mandado de prisão aberto referente a tráfico de drogas

Por Gioras Xerez, G1 CE


Laurindo Neto foi detido durante uma abordagem rotineira na cidade de Boa Viagem. Ele tem mandado de prisão aberto expedida pela Comarca de Caucaia referente a leis das drogas. — Foto: Polícia Militar

A Polícia Militar do Ceará prendeu, nesta terça-feira (18), um integrante da quadrilha que assaltou o o Banco Central, em Fortaleza, em agosto de 2005. Raimundo Laurindo Barbosa Neto, 51 anos, tinha mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas.

De acordo com o Relações Públicas da Polícia Militar, coronel Andrade Mendonça, o homem foi detido pelo Comando Tático Rural (Cotar), pela manhã durante uma abordagem na cidade de Boa Viagem, na Região do Sertão Central. Ele foi conduzido para a Delegacia de Combate às Ações Criminosas Organizadas (Draco), em Fortaleza.


Segundo Mendonça, Laurindo tinha um mandado de prisão expedido pela Comarca do município de Caucaia, na Grande Fortaleza, por tráfico de drogas. "A prisão foi feita por uma equipe do Cotar da cidade de Boa Viagem. Foi durante uma abordagem de rotina. Foi verificada pela equipe policial que o rapaz conhecido como 'Laurino Neto' tinha um mandado aberto expedido pelo município de Caucaia. Em seguida foi verificado também que ele tem participação no furto do Banco Central", disse Mendonça.

A secretaria da Segurança do Ceará disse, por meio de nota, Laurindo também é investigado pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) por integrar um grupo criminoso especializado em roubo a instituições financeiras e a veículos de transportes de valores.

"Neto Laurindo" ou "RDM", como é conhecido, segundo a Secretaria de Segurança, tem passagens por sequestro, tráfico de drogas e por integrar organização criminosa.

Laurindo foi condenado em 1ª e 2ª instâncias pelo furto de cerca de R$ 164 milhões ao Banco Central e cumpriu parte da pena, no entanto, os órgãos de segurança não informaram qual a situação dele quanto à pena determinada pela Justiça Federal por este caso.

Quadrilha furtou mais de R$ 160 milhões do cofre do Banco Central, em Fortaleza. — Foto: Divulgação


Furto milionário

Na madrugada de 5 para 6 agosto de 2005, o Banco Central de Fortaleza sofreu o maior furto a banco da história do país, segundo a Polícia Federal. Ladrões entraram na caixa-forte do banco por meio de um túnel e levaram mais de três toneladas em notas de R$ 50 passando por baixo de uma das mais movimentadas vias do Centro de Fortaleza, a Avenida Dom Manuel.


O túnel partia de uma casa alugada pela quadrilha e tinha 90 metros de comprimento. O crime só foi descoberto no início do expediente da segunda-feira (8). Noventa e quatro pessoas foram condenadas por envolvimento no furto pela Justiça Federal no Ceará, sendo que 10 foram absolvidos pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5).

Fonte G1 CE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!