Cratera abre em rua e 'engole' duplex durante chuva em Fortaleza - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

sexta-feira, 14 de junho de 2019

Cratera abre em rua e 'engole' duplex durante chuva em Fortaleza

Desabamento aconteceu por volta das 2h. Ninguém ficou ferido.


Cratera abriu no meio da rua e 'engoliu' duplex em Fortaleza — Foto: João Pedro Ribeiro

Uma cratera se formou no cruzamento da Rua Santa Inês com Rua Álvaro de Alencar e "engoliu" um imóvel duplex no Bairro Pirambu, em Fortaleza, na madrugada desta sexta-feira (14). O desabamento aconteceu por volta das 2h10. Chovia forte no momento do desabamento, na terceira noite seguida de precipitações na capital cearense.

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) informou que uma equipe está se deslocando para ir ao Bairro Pirambu e que o desabamento danificou a rede da Cagece. O local será isolado.

No local do desabamento existia um ponto comercial na parte de baixo e uma residência na parte de cima. Agentes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar foram ao local e a área foi isolada.

De acordo com a proprietária do imóvel, Marta Alves de Souza, o local havia sido interditado pela Defesa Civil e estava desocupado há cerca de três meses.

"A gente viu umas rachaduras e achou estranho, pois não sabíamos o que era. A minha vizinha chamou a Defesa Civil, uma equipe veio, condenou o imóvel e tivemos que alugar outra casa", lamentou.
Local do desabamento em Fortaleza na madrugada desta sexta-feira (14). — Foto: Arquivo pessoal

Conforme Marta Alves, as rachaduras da casa foram ocasionadas por uma obra da Companhia de Água e Esgoto do Estado do Ceará (Cagece).

"A Prefeitura mandou trabalhadores para mexer no buraco que abriu e descobriu que o problema era de responsabilidade da Cagece, pois se tratava de um cano estourado. O vazamento alagou tudo por baixo da casa. A Cagece trocou só o cano que o pessoal da prefeitura tinha achado e concluiu a obra", afirma.

No local do desabamento existia um ponto comercial na parte debaixo e uma residência na parte de cima. — Foto: Arquivo pessoal

A mulher foi alertada sobre o desabamento por uma uma vizinha. Apesar de não morar mais no imóvel, ela guardava mercadorias no comércio, como como garrafões de água e caixotes de refrigerantes, que foram engolidos pela cratera.

Por Lena Sena e João Pedro Ribeiro, G1 CE


2 comentários:

  1. A Prefeitura mandou trabalhadores para mexer no buraco que abriu e descobriu que o problema era de responsabilidade da Cagece, pois se tratava de um cano estourado. O vazamento alagou tudo por baixo da casa
    Read more at gui hang di my qua buu dien
    Read more at dich vu gui do di my

    ResponderExcluir

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!