sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Pastor Silas Malafaia é alvo da Polícia Federal em investigação de fraude em cobrança de royalties

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (16) operação que investiga suposta organização criminosa acusada de corrupção em cobranças judiciais de royalties da exploração mineral. 

A Folha de S. Paulo informa que, entre os investigados está o pastor Silas Malafaia, que teria participado da lavagem de dinheiro por supostamente ter recebido valores do principal escritório de advocacia responsável pelo esquema.

O pastor, levado coercitivamente pela PF, é suspeito de emprestar contas da instituição dele para ajudar a ocultar dinheiro, informa a Folha. A Polícia Federal informou ainda que estão sendo realizadas buscas e apreensões em 52 endereços diferentes ligados a suposta organização criminosa em 11 estados e no Distrito Federal.

A ação é batizada de "Operação Timóteo", em referência a esta passagem do livro Timóteo, da Bíblia: " Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição, pois o amor ao dinheiro é raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram a si mesmas com muitos sofrimentos".

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster