sábado, 30 de julho de 2016

Zé da Legnas volta a contribuir com o programa de rádio apresentado aos sábados.

O tema do programa de hoje foi baseado na política de interesses pessoais, de troca de favores e de realizações insignificantes que infelizmente está assolando de forma extrema a região do Vale do Curu.

No período de quatro anos, o eleito tem a autonomia e liberdade na produção de sua carreira politica, alguns falam de flores sem conhecer o jardim e outros apontam e esquecem que nesse ato os outros quatro dedos apontam para si. Fazem inimigos e traem amigos e no tempo de desespero eleitoral voltam a comer no prato que cuspiram sem qualquer arrependimento.

Brincam e ostentam com dinheiro público e quando alguém procura se faz de miserável.
Muitos políticos brasileiros estão cada vez mais incoerentes, principalmente na vida pública e nos discursos de demagogia, se dizem contra a corrupção mas abraçam e se unem aos corruptos.
Se vestem de cordeiro e abraçam os samaritanos, usam de bode expiatório aqueles que ajudam.
Ainda há quem tem o atrevimento de usar a prepotência e arrogância para maquiar  a verdade e agir como dono da mesma.

Toda palavra dita se torna mentira sem uma atitude coerente. A verdade está na coerência, na transparência e nas atitudes. Cuidado em quem você presentea com o voto, do jeito que as coisas estão você vota na vovozinha e elege o lobo mau, os coerentes de hoje poderão ser os piores para o amanhã.

~ André Barros

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster