Ceará tem mais que o dobro do segundo colocado de políticos "ficha suja" - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

terça-feira, 22 de setembro de 2020

Ceará tem mais que o dobro do segundo colocado de políticos "ficha suja"

 


Nos 10 anos da Lei da Ficha Limpa, o Ceará é o recordista nacional em políticos enquadrados como "ficha suja", segundo o levantamento da Associação de Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon). Os políticos cearenses em situação irregular para as disputas das eleições deste ano são mais que o dobro de Minas Gerais, o segundo colocado no ranking.

O Ceará detém a triste marca de 2,9 mil políticos enquadrados na Lei da Ficha Limpa. Minas Gerais possui 1.489 condenados e Paraná 1.310.

Para quem pensa que o quadro não poderia piorar, muitos "fichas sujas" estarão concorrendo em novembro, por decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), diante da alteração na data da eleição, de outubro para novembro, o que liberaria condenados em 2012.

É do que se aproveitam muitos candidatos com processos julgados e com condenação, para passarem ao eleitorado que são "ficha limpa", enquanto outros até colocam seus processos como "fake news", conforme mostrou o Blog em matéria sobre a disputa eleitoral em Pentecoste, no Norte do Ceará, a 89 quilômetros de Fortaleza.

É o caso do prefeito João Bosco Pessoa Tabosa, denunciado pelo Ministério Público do Ceará por associação criminosa, estelionato contra idoso e lavagem de dinheiro. A denúncia foi acatada pela Justiça do Ceará, mas João Bosco acabou beneficiado pela decisão do TSE.

Outro beneficiado é o ex-prefeito de Itapipoca, Dagmauro Sousa, o Dr, Dagmauro, também enquadrado na improbidade administrativa. O ex-prefeito e atual candidato demitiu servidores em período eleitoral e negou-se a readmiti-los.

Já em Amontada, no Litoral Oeste do Estado, a 157 quilômetros de Fortaleza, a situação é ainda pior, quando dois candidatos estão enquadrados na Lei da Ficha Limpa, no caso os ex-prefeitos Edivaldo Assis de Jesus e Francisco Edilson Teixeira.

Em dezembro do ano passado foi apresentado na Câmara Federal o Projeto de Lei 4.549, que propõe que os partidos políticos façam a primeira triagem contra os chamados "ficha suja", impedindo filiações e expulsando os maus políticos de seus quados.


O Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!