Empresário falido chama governador de Sergipe de mentiroso e se mata na frente dele - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

quinta-feira, 4 de julho de 2019

Empresário falido chama governador de Sergipe de mentiroso e se mata na frente dele

O empresário Sadi Gitz disparou um tiro na cabeça diante do Ministro de Minas e Energia e do governador
Um empresário do ramo de cerâmica praticou o suicídio, na manhã desta quinta-feira (4), diante de várias autoridades do estado de Sergipe. O fato ocorreu durante um evento que marcava a presença do ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque, o governador daquele estado, Belivaldo Chagas. O empresário foi identificado como Sadi Paulo Castiel Gitz.

Gitz era o presidente da empresa Escurial e, armado, conseguiu entrar no Radisson Hotel, em Aracaju, onde acontecia a a abertura do ‘Simpósio de Oportunidades – Novo Cenário da Cadeia do Gás Natural em Sergipe’.

As informações dão conta que no momento o governador Belivaldo Chagas discursava quando o empresário teria gritado: “Belivaldo você é um grande mentiroso” e logo em seguida atirou na própria cabeça.

A fábrica de cerâmica Escurial deu início ao processo de hibernação no mês de maio. O preço do gás cobrado pela empresa concessionária do Governo, Sergipe Gás (Sergas), teria contribuído para o processo de hibernação, que representa uma perda de mais de 600 empregos diretos e indiretos.

De acordo com informações obtidas pelas autoridades, o homem enfrentava uma séria crise financeira e a cerâmica, localizada no município de Nossa Senhora do Socorro (SE), foi, recentemente, fechada. No evento estavam presentes diversas autoridades para discussão do novo cenário do gás natural no Brasil.

Em Nota Oficial, o governo do estado de Sergipe lamentou o ocorrido e, por conta deste, o “Simpósio de Oportunidades Para o Novo Cenário do Gás Natural em Sergipe” foi cancelado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!