Homicídios no Ceará diminuem em 53% nos cinco primeiros meses de 2019 - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

sábado, 8 de junho de 2019

Homicídios no Ceará diminuem em 53% nos cinco primeiros meses de 2019

Em comparação, os primeiros cinco meses de 2018 foram registrados 1.996 assassinatos, contra 935 em 2019.(Foto: Mauri Melo)
Dados contabilizados até maio de 2019 informam que os números de Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs) diminuíram em 53,2% no Ceará. De acordo com o levantamento realizado pela Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública do Estado do Ceará (Supesp), órgão vinculado à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em comparação ao mesmo período de 2018, cerca de 1.061 vidas foram salvas.

Conforme o levantamento divulgado hoje, 7, os primeiros cinco meses de 2018 foram registrados 1.996 assassinatos, contra 935 em 2019. Esse é o melhor resultado desde 2010, quando houve a quantidade de 911 CVLIs no período. Por isso, o Ceará registra seu 14° mês de queda e Fortaleza o seu 15°.

Na Capital, a SSPDS registrou a maior redução no índice de CVLIs no acumulado do ano, indo de 659 em 2018 para 277 em 2019, apresentando uma diminuição de 58%. O interior Norte teve uma retração de 54,6%, passando de 383 para 174. Já na Região Metropolitana foi de 604 para 295, tendo uma queda de 51,2%%. E no interior Sul, caiu de 350 para 189 (-46%).

Segundo o levantamento, o balanço positivo de 2019 se deve principalmente às ações estratégicas da pasta nos territórios que mais concentravam esse tipo de crime, à integração entre instituições, e à inserção de pesquisadores de universidades na construção de novas ferramentas tecnológicas. Além dos investimentos, nos últimos quatro anos e meio, de mais de R$ 2 bilhões em equipamentos como armas de fogo e novas viaturas.

Dados sobre o mês de maio

Conforme os dados feitos pela Geesp, o mês de maio apresentou uma média diária abaixo de seis vítimas diárias no Ceará e de duas em Fortaleza. Já as duas Áreas Integradas de Segurança no Estado (AIS) zeraram a estatística de CVLI, sendo a AIS 8 da Capital, que engloba os bairros (Barra do Ceará, Cristo Redentor, Jardim Guanabara, Jardim Iracema, Pirambu e Vila Velha); e a AIS do Estado, no qual abrange os municípios (Aiuaba, Arneiroz, Catarina, Mombaça, Parambu, Piquet Carneiro, Quiterianópolis e Tauá).

Além disso, o Ceará registrou uma diminuição de 52,4% nos CVLIs, indo de 372 mortes para 177. Com esse resultado, foram 195 vidas salvas nesse período. O maior percentual de redução foi contabilizado no Interior Norte, caindo de 97 casos para 32 (-67%). Depois, aparece Fortaleza, passando de 121 para 56 (-53,7%). Na Região Metropolitana, foi de 97 para 56 (-42,3%). E o interior Sul, teve queda de 57 para 33 (-42,1%).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!