DRF apreende dois fuzis e kit que transforma pistola em arma longa com trio na RMF - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Publicidade

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

DRF apreende dois fuzis e kit que transforma pistola em arma longa com trio na RMF

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), aprendeu dois fuzis calibre 5.56, uma pistola 9 mm e um kit que transforma pistola calibre 9 mm em uma submetralhadora. O armamento foi apreendido com três suspeitos com extensa ficha criminal, durante uma ação da delegacia especializada, com apoio da Divisão Antissequestro (DAS), contra alvos investigados por envolvimento em ataques a instituições financeiras no Estado. As prisões aconteceram em Fortaleza e Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). A ação foi apresentada em coletiva de imprensa, na manhã desta sexta-feira (14), no Complexo de Delegacias Especializadas (Code).

A ofensiva que culminou nas prisões e apreensões das armas se deu com base em um levantamento da DRF que levou a uma abordagem, em via pública, a William Costa Oliveira (29), conhecido pela alcunha de “Perna Fina”, no bairro Castelão, na Área Integrada de Segurança 7 (AIS 7). O suspeito se apresentou aos agentes com um documento de identidade falso no nome de uma outra pessoa. “Perna Fina” responde a uma série de crimes na Justiça e estava com três mandados de prisão em aberto, emitidos pelas comarcas de Aquiraz, Eusébio e Itarema. Ele também é foragido do sistema prisional do estado do Rio Grande do Norte. No Ceará, ele possui passagens por homicídio, roubo, receptação, associação criminosa, corrupção de menores, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Em ato contínuo, as equipes se deslocaram até um imóvel no município de Maracanaú, onde dois comparsas de “Perna Fina” foram encontrados. Eles foram identificados por Igor Mendes de Oliveira (23), com mandado de prisão em aberto por homicídio e passagens por tráfico e associação para o tráfico de drogas, tentativa de homicídio, homicídio, crime contra a paz pública, corrupção de menores, receptação, posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e corrupção ativa; e Francisco Devyson Freitas de Lima (26), com passagens por homicídio, roubo, receptação, associação criminosa, corrupção de menores, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, tráfico e associação para o tráfico de drogas, falsificar documento público e corrupção ativa.

Dentro da residência, os policiais civis encontraram dois fuzis 5.56, uma pistola 9 mm e um kit que transforma a pistola em uma submetralhadora, além de 144 munições de fuzil e pistola. Todo o material apreendido na ação foi levado para a sede da DRF, em Fortaleza, e entregue na unidade policial. Além de cumprir os mandados de prisão em desfavor dos suspeitos, o trio foi autuado em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, receptação e por integrar organização criminosa. “Perna Fina” também vai responder por uso de documento falso.

A Polícia Civil segue apurando a atuação do grupo a fim de descobrir em quais ocorrências relacionadas a ataques a bancos e a veículos de transporte de valores eles estão envolvidos. “Nós vamos continuar o levantamento (acerca do grupo) para identificar a participação do trio em ataques a instituições financeiras e verificar a participação deles em assaltos a veículos de transporte de valores, nos últimos 12 meses, para esclarecer a vinculação deles com as ocorrências que aconteceram no Estado este ano”, revela o titular da DRF, delegado Ricardo Romagnoli.

Balanço de fuzis

Com as apreensões de mais dois fuzis este ano, as ações da DRF resultaram na retirada de circulação de 14 unidades desse tipo de armamento de grande poder de fogo e com alta capacidade de disparo. “Retiramos 14 fuzis da mão de criminosos este ano, sendo dois deles de .50, nunca apreendidos na história da Polícia no Ceará”, ressalta o delegado Romagnoli. Resultado de um trabalho de investigação que durou cerca de cinco meses, os dois fuzis .50 foram apreendidos em uma ação da unidade especializada, no último mês de agosto, em Aracati e Morada Nova, municípios pertencentes à Área Integrada de Segurança 18 (AIS 18). Além das armas, mais de cem munições de mesmo calibre foram apreendidas. Na ocasião, três suspeitos foram presos.

Denúncias

A Polícia Civil ressalta que a população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam ajudar na localização de suspeitos. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para os números (85) 3101-1141 ou (85) 3101-1142. Para denunciar, não é necessário se identificar. O sigilo é garantido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!