Sete são investigados por participação em ataques nesse fim de semana; reforço de segurança de coletivos continua - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Conheça a UNIASSELVI – Graduação e pós-graduação presencial e EAD

segunda-feira, 26 de março de 2018

Sete são investigados por participação em ataques nesse fim de semana; reforço de segurança de coletivos continua

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE) informa que desde o último sábado (24), a Polícia Militar do Ceará (PMCE) reforçou o policiamento, com apoio da Guarda Municipal de Fortaleza, no tocante a coletivos e corredores onde há o tráfego de veículos do transporte urbano da Capital. O plano de segurança foi traçado durante uma reunião que envolveu, além da cúpula da SSPDS, representantes da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) e do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

Policiais em motocicletas e viaturas estão distribuídos em rotas mapeadas pela Etufor e pelo Sindiônibus. Já nos terminais, o reforço acontece em parceria com a Guarda Municipal de Fortaleza. Acontece também uma ocupação tática nas garagens das empresas de ônibus. Duas aeronaves da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) também participam da ação, sobrevoando as áreas pré-definidas pelos órgãos responsáveis.

Prisões

Um trabalho em conjunto entre as Polícias Civil e Militar resultou na identificação do autor das ameaças de ataque ao prédio da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), em Sobral, na Área Integrada de Segurança 14 (AIS 14). De acordo com as investigações, as chamadas de pessoas ameaçando incendiar o prédio da Ciops de Sobral partiram de um chip cadastrado no nome de José Fábio Alves da Silva Maciel (36), que se encontra preso por tráfico e furto, na Penitenciária Industrial Regional de Sobral (PIRS). Durante a vistoria na cela do suspeito, realizada nesse domingo (25), foram apreendidas drogas e celulares, incluindo o aparelho que originou as ligações.

A SSPDS informa que a Polícia Militar do Ceará (PMCE) realizou mais três prisões de indivíduos suspeitos de participarem de tentativa de incêndios a coletivos e de efetuarem disparos de arma de fogo em frente a prédio público, em Fortaleza. Com a prisão desses três suspeitos e a identificação do detento da PIRS, em Sobral, sobe para sete o número de pessoas que estão sendo investigadas por participação nas ações criminosas registradas nesse fim de semana. Ainda na noite de sábado (24), Bruno da Silva Triunfo (20) – sem antecedentes – foi preso em uma motocicleta, portando uma pistola calibre 380, com 13 munições, no bairro Vila União. A participação dele em disparos de arma de fogo em frente ao prédio da Empresa de Transportes Urbanos de Fortaleza (Etufor) está sendo investigada. Outros dois homens foram presos em uma motocicleta, por policiais do Controle de Distúrbios Civis (CDC) do Batalhão de Choque (BPChoque), na manhã desse domingo (25), na Avenida Presidente Castelo Branco (Leste Oeste), portando uma mochila com garrafas contendo cerca de nove litros de gasolina. Os suspeitos presos são: Luís Daniel Oliveira Beserra (19), que já responde a tráfico de drogas, e José Venício da Costa Andrade (25), sem antecedentes.

Na noite de sábado, já haviam sido presos dois suspeitos que estavam com um galão de gasolina, na Rua Castro e Silva, próximo à Praça da Estação. Os indivíduos foram identificados como Daniel Vanderlei de Freitas Costa (24) e Antônio Elton Lopes Cassiano (29), que tem três passagens por roubo, por porte de arma de fogo e identidade falsa. Um terceiro homem – Igor Victor da Silva Fernandes (18) – também foi preso, na noite de sábado (24), na Rua Padre Mororó, também no Centro, com outro galão de gasolina.

Ocorrências

Foram registrados, até a tarde de ontem (25), seis incêndios consumados em ônibus (um na Avenida Leste Oeste, dois na Praça Coração de Jesus, um na Avenida Imperador, um na Avenida G do bairro Vila Velha e um na Avenida Perimetral no José Walter); em duas torres de telefonia (no bairro Jardim Iracema e outro na Avenida Maestro Lisboa); na Secretaria Executiva Regional IV da Prefeitura de Fortaleza; em um depósito de veículos em Cascavel; um veículo foi parcialmente queimado em frente ao 20° Distrito Policial; e houve uma tentativa de incêndio nos fundos do prédio da Coordenadoria Integrada de Operações Policiais (Ciops), em Sobral. Duas ocorrências de disparos em frente a órgãos públicos foram registradas (18° Juízado Especial e Etufor), além de duas manifestações com queima de pneus nas avenidas Cel Carvalho e Mozart Lucena, nos bairros Vila Velha e Quintino Cunha, respectivamente. Em todas as ocorrências, composições do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) atuaram para combater os incêndios.

Já na manhã desse domingo, a PMCE foi acionada para uma ocorrência de disparos de arma de fogo efetuados na fachada de uma agência bancária no bairro Parque Manibura (AIS 07). Buscas foram realizadas na região visando capturar os autores do crime, que empreenderam fuga. Durante a tarde, houve mais duas tentativas de incêndio e um incêndio consumado. A primeira ocorrência aconteceu no bairro Paupina, quando homens armados dispararam contra um coletivo, atingindo o vidro dianteiro do veículo, outros indivíduos ainda tentaram atear fogo no ônibus, mas rapidamente as chamas foram controladas pelo motorista usando o extintor que trazia no interior do veículo. Ninguém ficou ferido. A segunda tentativa foi registrada na Barra do Ceará, onde dois homens tentaram atear fogo em um caminhão, mas foram frustrados pela população que impediu que o fogo se alastrasse. O incêndio consumado, nesta tarde, foi contra um coletivo na Avenida Perimetral, bairro Presidente José Walter, o veículo teve perda total. Equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE) estiveram em todas essas localidades garantindo a segurança da população e diligências continuam em andamento para garantir a segurança da população. A Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) está responsável pelas investigações.

Na madrugada de sábado (24), após troca de tiros com policiais militares, três homens que participaram de ataque ao prédio da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) foram alvejados e socorridos a uma unidade hospitalar, mas não resistiram aos ferimentos e vieram a óbito. A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) identificou dois dos três mortos no confronto. Tratam-se de Francisco José Raniel Barbosa dos Santos (19) e Davi Lima Pires (19). O terceiro envolvido segue em processo de identificação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!