Líderes do PCC no RN são encontrados mortos em penitenciária - NOTÍCIAS DE PENTECOSTE

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Líderes do PCC no RN são encontrados mortos em penitenciária

Lázaro Luís de França Ferreira , o “nego Lázaro”, e Shakespeare Costa de França, o “Sheik”, foram enforcados com lençóis


Nego Lázaro, à esquerda, e Sheik foram encontrados mortos dentro da cela

Dois membros do alto escalão do Primeiro Comando da Capital (PCC) no Rio Grande do Norte foram encontrados mortos na noite deste domingo (25), em uma peniteniária daquele estado. Segundo a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc) do RN, Lázaro Luís de França Ferreira , o 'Nego Lázaro', e Shakespeare Costa de França, o 'Sheik', foram enforcados com lençóis em uma cela que dividiam com outros dez detentos. Lázaro Luís é apontado como chefe da facção no Rio Grande do Norte, segundo o portal UOL.

Conforme a pasta, as vítimas, que respondiam por tráfico de drogas, homicídio, assalto, porte ilegal de armas, entre outros, cumpriam pena na Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, município de Nísia Floresta, e estavam no Pavilhão I quando foram executadas. Segundo a Sejuc, 'Nego Lázaro' estava no local desde 2014, enquanto 'Sheik' havia chegado no local em 2017.
Leia ainda:


Em nota, o secretário Luís Mauro Albuquerque afirmou "não reconhecer as facções criminosas", ressaltando que "todos os internos de suas unidades são apenas presos sob a tutela do Estado". A Sejuc, inclusive, destacou que a direção da penitenciária acionou a Delegacia Especializada em Homicídios e o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) para averiguar o caso.

"As circunstâncias das mortes serão investigadas pela Polícia Civil e só o laudo do Instituto Técnico poderá determinar a real causa da morte", ressaltou a Sejuc.

Ainda não se sabe se os casos têm ligação com as mortes de 'Gegê do Mangue' e 'Paca', líderes da quadrilha que foram assassinados em Aquiraz. O maior grupo criminoso do Brasil está rachado internamente.

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Anuncie aqui!!!