domingo, 4 de junho de 2017

Chacina no Porto das Dunas deixa pelo menos seis pessoas mortas em Aquiraz

Pelo menos oito homens armados de pistola invadiram uma festa no fim da noite deste sábado (3) dentro de uma mansão no Porto das Dunas, em Aquiraz e mataram seis pessoas. Um dos mortos é Davi Saraiva Benigno, de 23 anos. Davi foi preso em novembro de 2015 numa operação da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), acusado de liderar uma das maiores quadrilhas de tráfico de drogas sintéticas do Estado. 

De acordo com a Polícia, por volta das 22 horas, aproximadamente 15 pessoas estavam dentro da casa situada na Rua Búzios, na Praia do Porto das Dunas, quando cerca de dez homens a bordo de dois veículos, um deles um Jeep Renegade, derrubaram o portão de alumínio da residência utilizando os carros. Já dentro do imóvel, os atiradores, que estariam encapuzados, efetuaram dezenas de disparos de pistola calibre Ponto 40 e 380 nas vítimas. Testemunhas revelaram que, ao ouvir os disparos, outras pessoas que estavam no local saíram em disparada, pularam o muro e se embrenharam em um matagal. Uma deles derrubou a cerca elétrica que circundava o muro da residência. Depois do ataque, os corpos ficaram espalhados pela grama do jardim e na varanda do andar térreo do imóvel. 

Patrulhas do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) foram acionadas, mas ao chegar não localizaram os acusados. Até a manhã deste domingo a Polícia ainda não havia confirmado os nomes dos outros mortos. A Polícia Civil, por meio da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), investiga a motivação e a autoria da chacina. Em princípio, as execuções estariam ligadas a disputa entre facções criminosas rivais pela disputa do tráfico de drogas.

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster