segunda-feira, 15 de maio de 2017

Apuiarés: matança gatos tem revoltado e preocupado moradores do Conjunto Cohab


O Crime

Segundo denúncias que circulam nas redes sociais, gatos estão sendo mortos no Conjunto Cohab, Apuiarés. A suspeita é de que os felinos tenham sido envenenados por moradores da localidade, pelo fato de terem atacado pássaros engaiolados.

"Alguém está dando comida com veneno e até com pedaços de vidro", alega um denunciante.

A indignação

"Tenho um gatinho que amamos muito e ele faz parte da nossa família. Evitamos o máximo que ele saia de casa, no entanto, sabemos que felino tem em seu instinto a liberdade, ele sente a necessidade de dar uma voltinhas", desabafa moradora angustiada com a situação.

A população segue preocupada e com a certeza de que outros gatos ainda morrerão. Os moradores pedem providências das autoridades competentes, para que o caso seja investigado e os culpados punidos.

A justiça

Matar qualquer tipo de animal é crime e está previsto prisão no artigo 32 da Lei dos Crimes Ambientais, de 1998. A lei prevê detenção de três meses a um ano, além de multa, para quem 'praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar' qualquer tipo de animal. Se houver morte, a pena aumenta até um terço. Quem praticar 'experiência dolorosa ou cruel em animal vivo, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos' também pode sofrer a mesma condenação.

Por: André Barros

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster