terça-feira, 14 de março de 2017

Deputado Roberto Mesquita lamenta alto índice de desemprego

O deputado Roberto Mesquita (PSD) lamentou, nesta sexta-feira (10/03), durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, “a chaga” do desemprego, que assola o Brasil nestes últimos anos. Segundo ele, o número de desocupados continua em alta e atingiu 13 milhões de trabalhadores neste ano. “O estado do Ceará tem 8,5 milhões de habitantes, e a quantidade de desempregados equivale a um Ceará e meio”, contabilizou.

O parlamentar destacou, no entanto, a postura do presidente do Senado Federal, senador Eunício Oliveira (PMDB/CE), que, em entrevista, assegurou sua pretensão de colocar como pauta prioritária a geração de emprego e renda.

De acordo com o deputado, o senador cearense quer destravar o País e fazer com que essas pessoas (desempregadas) entrem para o mercado de trabalho. “Foi com muita satisfação que vi entrevista do senador do Eunício Oliveira, a quem quero parabenizar, por ele usar a política para melhorar a vida das pessoas. Nenhum de nós deixa de ter conhecimento que aquele que não tem uma receita a receber no final do mês é um ser humano cuja dignidade está abaixo da que precisa ”, disse.

Roberto Mesquita acredita que a forma mais rápida para mudar esse cenário é fazer com que leis obsoletas, que prejudicam, burocratizam nosso País, sejam extirpadas. O deputado defende a criação de novas leis para alavancar a economia. Ele citou como exemplo a Lei Eunício Oliveira, que permitiu a negociação das dívidas dos produtores rurais. O parlamentar ressaltou que, num momento de descrédito da classe política, é preciso reconhecer ações e agentes transformadores, como o senador, e fazer um chamamento para que jovens venham para a política, caminho que, segundo ele, dá mais celeridade para que as ações se consolidem. “Que muitos sejam instados a participar. Uma ação boa tem poder de afetar milhões de pessoas”, salientou. 

Na opinião de Roberto Mesquita, a mesma atitude do senador deveria ter o governador Camilo Santana, “que por dois anos foi culpado pelo desemprego no Estado, quando aumentou impostos, sacrificou as pequenas empresas e inviabilizou muitos negócios”.

Em aparte, a deputada Dra. Silvana (PMDB) enalteceu o discurso de Roberto Mesquita, que, mesmo não sendo do mesmo partido, reconheceu a relevância de um cearense que está na segunda cadeira mais importante do País. “Temos mesmo que ter orgulho, deve ser um exemplo para nós”, reforçou, destacando que seu correligionário é um homem de caráter e ficha limpa.

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster