sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

STF concede alvará de soltura do goleiro Bruno, preso pela morte da ex-namorada, Eliza Samúdio

O Supremo Tribunal Federal concedeu uma liminar na última terça-feira, 21, que determina a soltura do goleiro Bruno Fernandes, preso pela morte da ex-namorada, Eliza Samúdio em 2010. 

O alvará de soltura foi concedido na noite desta quinta-feira, 23. Segundo a assessoria do STF, o ministro Marco Aurélio Mello entendeu que o ex-goleiro tem direito a responder em liberdade enquanto aguarda recurso da condenação. 

A íntegra da decisão não foi divulgada pelo STF. O advogado de Bruno informou que ele deverá deixar a prisão, em Minas Gerais, ainda nesta sexta-feira. 

Bruno foi condenado a 22 anos e três meses de prisão por sequestro, assassinato e ocultação de cadáver da modelo Eliza Samúdio, morta em 2010.

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster