sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Quadrilha que atacou banco está cercada na mata por dezenas de policiais. Armas, explosivos e dinheiro já foram apreendidos

Cerca de oito horas após o ataque aos Bancos do Brasil e Bradesco, na cidade de Missão Velha, a Força Tática de Apoio (FTA) do Crato, recuperou um veículo modelo trailblazer utilizado na fuga de parte dos integrantes da quadrilha. O carro de placas PDN – 0871 (inscrição de Petrolina-PE) estava abandonado numa estrada vicinal.

Dentro do veículo havia bastante munição (umas intactas e outras deflagradas), armas de grosso calibre, pistolas, coletes a prova de bala, bananas de dinamite e muito dinheiro. A polícia investiga se o carro tinha sido tomado de assalto. Diante do arsenal encontrado, a polícia acredita que a quadrilha é especializada em ataques a banco.

Ataque
Era por volta de 1h30 quando um grupo com cerca de 15 integrantes invadiu a cidade. O bando se dividiu em dois. Um ficou responsável por fechar as entradas da cidade, colocando caminhões e pregos na pista. Esse mesmo grupo também cercou o destacamento policial. Os outros integrantes da quadrilha invadiram e explodiram as duas agências bancárias da cidade, que ficam bem próximas, no centro da cidade.

Na fuga, houve troca de tiros com policiais e com uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). Apesar do apoio de outros destacamentos de cidades vizinhas, os assaltantes conseguiram fugir. Em um dos carros, a polícia encontrou manchas de sangue, o que se faz supor que, durante a troca de tiros, os suspeitos ficaram feridos.

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster