quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Heitor Férrer declara guerra ao Supremo ao anunciar nova PEC para extinguir TCM em 46 dias

Novo porta-voz dos irmãos Ciro e Cid Ferreira Gomes, o deputado Heitor Ferrer (PSB) anunciou da tribuna da Assembleia Legislativa do Ceará que apresentará, no retorno dos trabalhos da Casa, em 15 de fevereiro, uma nova proposta de emenda parlamentar extinguindo o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) no prazo de 46 dias.

Desafiando a autoridade da presidente do Supremo Tribunal Federal(STF), ministra Carmen Lúcia , o deputado Heitor Ferrer - aprendeu rápido os métodos autoritários de seu novo guru Ciro - ficou irado no plenário no plenário do Poder Legislativo ao ser informado da liminar protocolada pela ministra suspendendo a extinção do TCM. Sem ser autorizado, aos berros, repetia: " o TCM é um antro(de corrupção) ". Contudo, não apontava nenhum dos sete conselheiros implicado com fraudes.

Derrotados, os FGs e Heitor Ferrer passaram a defender a tese que o Supremo Tribunal Federal e sua presidente, ministra Carmen Lúcia, não tem condições éticas e morais de barrar a extinção do TCM. Insinuam até que Carmen Lúcia- esteja se beneficiando por ter dado essa decisão. Tanto os irmãos Cid e Ciro quanto o deputado Heitor Ferrer não conhecem a seriedade e a competência da presidente do STF.

A irresponsabilidade de Ciro, Cid e Heitor Ferrer juntamente com outros deputados vinculados aos FGs que queriam imitar o presidente do Senado Federal, Renan Calheiros, e descumprir a ordem judicial da presidente Carmen Lúcia retrata que o Estado do Ceará vive ao regime de um faraó.

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster