segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Coordenador das endemias faz explicações sobre número assustador de casos de Chikungunya e Dengue em Pentecoste, confira:

(Foto/Autor: Zé Wagner e Zé da Legnas)
Na última sexta-feira, 04 de outubro, estivemos na residência do Coordenador das Endemias de Pentecoste, Zé Wagner. Fomos com o objetivo de receber informações técnicas e mais detalhadas, sobre o número de casos de  Zika Vírus, Chikungunya e Dengue, doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.


Zé Wagner afirma que Pentecoste está com um problema muito grave de Chikungunya, o número de casos vem subindo de forma assustadora desde setembro de 2016. Segundo o coordenador de endemias, o principal problema que contribuí com a proliferação do Aedes Aegypti nos dias de hoje, está na falta da vedação de caixas d'água. Através dos meios de entrada para o reservatório de água, o mosquito faz do ambiente seu criadouro perfeito, por isso motivo é noticiado larvas do aedes aegypti saindo da torneiras.

No vídeo a seguir Zé Wagner faz explicações surpreendentes, confira: 


Não basta os agentes de endemias fazerem os devidos procedimentos, é necessário nós fazermos a nossa parte. Confira alguns cuidados essenciais que todos devem tomar:

Por: André Barros

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster