terça-feira, 27 de setembro de 2016

Mulheres são mais prudentes que os homens no trânsito, aponta pesquisa

“Mulher no volante, é perigo constante”. Apesar de ser um ditado popular bastante conhecido, pronunciado geralmente por homens como forma de menosprezar mulheres, ele necessariamente não se aplica na prática.
Conforme as estatísticas do Departamento de Trânsito do Ceará (Detran-CE), os homens são mais perigosos no trânsito do que as mulheres.
Apesar de serem inferiores no número de pessoas habilitadas, as mulheres, contudo, dão exemplo quando o assunto é prudência e segurança no trânsito. Somente no ano passado, dos quase 10 mil acidentes envolvendo vítimas não fatais entre 30 e 59 anos, cerca de 7.900 são homens e apenas 1.764 são mulheres.
Já em relação ao número de vítimas fatais devido a acidentes de trânsito, a estatística mostra que 378 mulheres faleceram, enquanto o número de homens ultrapassa a marca de 2.100 mortos.
Conforme a diretora de planejamento do Detran-CE, Lorena Moreira, a prudência do trânsito por parte da mulher tem consequências positivas. “Várias seguradoras de veículos possuem preço diferenciado de apólice para o público feminino devido a constatação delas se envolverem em menos acidentes de trânsito. As mulheres são mais cuidadosas no trânsito, respeitam mais a sinalização e possuem uma postura de mais prudência na condução dos veículos”, destaca.
Fonte: Tribuna do Ceará

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster