quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Representante do MST faz explicações sobre movimento em Pentecoste

Na manhã dessa quarta-feira, a prefeitura municipal de Pentecoste foi ocupada pelo movimento dos sem terra e dos sem tetos. Essa manifestação deu inicio por volta das 10 horas da manhã e expôs o problema de pessoas desse município que estão sofrendo com problemas de amparo social. Aconteceu também um manifesto reivindicativo e discussões com representantes de algumas secretárias responsáveis, a exemplo da secretária de agricultura, pois a gestora maior, a prefeita, não se encontrava no município no momento desse ocorrido.

Maria de Jesus, representante do MST a nível estadual esteve nessa tarde no Sistema Legnas de Comunicação para expor e esclarecer de forma clara o objetiva o motivo dessa manifestação social.
Já faz mais de 5 meses que a representante do movimento tenta uma audiência com a prefeita para que a mesma possa resolver a situação do terreno próximo ao matadouro de Pentecoste, mas são apenas tentativas falhas de comunicação.
Os pedidos são:
  • Terreno para famílias sem terra e que estão em acampamentos poderem construir casas.
  • Transporte escolar na barra do Leme, pois há denúncias de que mais de 10 crianças estão estão sendo transportadas em um único carro e ao mesmo tempo.
  • Melhoria no investimento e na qualificação para que haja melhor qualidade na saúde.
  • Melhoria nas estradas, pois há uma grande dificuldade de acesso aos assentamentos.

Vale ressaltar que esse movimento passou em outras cidades e com o mesmo objetivo. Nas localidades em que esse movimento atingiu, as negociações formam produtivas e em Pentecoste há essa resistência por parte da autoridades no que se refere solucionar problemas de moradia e de terrenos.

Compartilhe com seus amigos:

Postar um comentário

Matérias produzidas por estagiários

 
Subir
Copyright © 2015 NOTÍCIAS DE PENTECOSTE. Designed by Esgwebmaster